Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
TORMENTA
Flora Fernweh

O céu veleja em águas profundas
na luz acesa do mar das memórias
surge do naufrágio em que é oriunda
buscam o afago das velhas histórias

Por que apagar a chama que inunda?
a ternura, o brilho, a vitória
no solo das belas sementes fecundas
onde o amor é a planta notória

vivo uma intensa nostalgia de dor
que incorpora a alma e consome
buscando o infinito em seu calor

a fúria das ondas traz seu esplendor
as cruéis angústias não matam a fome
de nutrir a eternidade desse amor


Biografia:
instagram: @palavrartistica
Número de vezes que este texto foi lido: 181


Outros títulos do mesmo autor

Artigos ESPETACULARIZAÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA Flora Fernweh
Crônicas SER POETA Flora Fernweh
Poesias COVID Flora Fernweh
Frases ANTIGUIDADE Flora Fernweh
Artigos IDENTIDADE NEGRA Flora Fernweh
Cartas AO COLEGA DA CASA VERDE (O ALIENISTA- MACHADO DE ASSIS) Flora Fernweh
Frases PRAIANA Flora Fernweh
Frases SILÊNCIOS Flora Fernweh
Poesias O QUE SOU? Flora Fernweh
Frases POEMA E POESIA Flora Fernweh

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 98.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 64304 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 54203 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43079 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 42656 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 40268 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40135 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 37514 Visitas
Amores! - 35630 Visitas
Desabafo - 35089 Visitas
Faça alguém feliz - 33522 Visitas

Páginas: Próxima Última