Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Borboletas na Barriga
Mário Cesar da Silva Conserva

Nesses diálogos da vida
Tenho dúvidas sobre o que ouvi
Por exemplo, as borboletas na barriga
Algo que nunca entendi

Como uma sensação que vem de dentro
Não entendia o porquê desse sentir
Talvez voem por causa de algum sentimento
A alegria da chegada, a tristeza do partir

Agora que sei
O motivo delas voarem
Relaxei, amei

Lamento apenas por aquele que ouve e some
A razão do sumiço, é cediço
As borboletas só voam para ele, quando tem fome.


Biografia:
Acadêmico do Curso de Direito. A percepção do mundo exige olhos abertos.
Número de vezes que este texto foi lido: 154


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Companhia Mário Cesar da Silva Conserva
Poesias Medo Mário Cesar da Silva Conserva
Sonetos Borboletas na Barriga Mário Cesar da Silva Conserva
Poesias Os dias depois da sua partida. Mário Cesar da Silva Conserva
Sonetos O silêncio do Adeus Mário Cesar da Silva Conserva


Publicações de número 1 até 5 de um total de 5.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2017
 
  Textos mais lidos
Amei! Que droga! - Fabiano Vaz de Mello 207488 Visitas
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 181971 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 141542 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 141228 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 127627 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 66713 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 57983 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 56519 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 56313 Visitas
Entenda de uma vez por todas o Hino Nacional - Fabbio Cortez 56121 Visitas

Páginas: Próxima Última