Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Entrevista com Retroavengers
Caliel Alves dos Santos

Resumo:
Conheça o site que está preservando a memória dos gamers!

CA – Como surgiu a ideia de uma plataforma reprodutora de conteúdo das antigas edições de revistas especializadas em games de jogadores para jogadores e como foi o início da empreitada?
Retro Avengers – Em 2008 eu conheci o site americano www.retromags.com e baixei a coleção deles da Revista Official Sega Saturn Magazine. Fiquei maravilhado com a qualidade da revista digital e percebi como aqui no Brasil as revistas não eram digitalizadas de maneira adequada. Daí, em 2001, eu (evil_arthas), entrei em contato com o crimsonphoenix e depois de uma breve conversa, começamos o retroavengers.


CA – Quantas pessoas atualmente trabalham no blog e qual o nível de estresse gerado no grupo?
Retro Avengers – Atualmente temos 5 membros ativos no grupo. Não há estresse, pois cada um ajuda da forma que pode, no seu tempo livre, não há pressão por produção.


CA – Existe algum tipo de edição especial mais pedida pelos jogadores tipo Jogo X, console bola, revista da editora A?
Retro Avengers – Não. Cada um tem a sua revista preferida e recebemos diversos pedidos. Vamos atendendo de acordo com as nossas possibilidades. Pedido de doador sempre vai na frente, mas normalmente preferimos deixar que o editor escolha qual revista ele quer editar.


CA – A Retro Avengers já teve problema com alguma editora ou elas te apóiam?
Retro Avengers – Sim, tivemos. Quando fizemos a edição digital da Old! Gamer nº 01. A revista já tinha 3 anos de lançada, muita gente tava pedindo e não sabíamos da intenção da Editora Europa de lançar a versão digital. Recebemos um e-mail com uma reclamação do Humberto Martins e retiramos o link do ar. Não temos intenção de atrapalhar o mercado editorial de revistas de games do Brasil.


CA – Com o atual nível de informação e operacional de vocês, qual a possibilidade lançarem a sua própria revista digital?
Retro Avengers – Nenhuma até o momento. O nosso papel é preservar a memória das revistas de games lançadas no Brasil.


CA – Quais os efeitos do blog sobre a comunidade de jogadores brasileiros?
Retro Avengers – Infelizmente não posso responder essa questão, pois não saberia o que dizer, mas sempre recebemos mensagens de estímulo a elogios por conta do nosso trabalho. Espero que os retrogamers estejam gostando do que estamos fazendo.


CA – Como vocês avaliam o atual mercado nacional de games?
Retro Avengers – O mercado cresceu bastante a partir da instalação das empresas por aqui. Acredito que a tendência é crescer mais ainda. O formato de distribuição digital de games e a popularização da banda larga tem ajudado muito nesse processo.


CA – Especializada em games antigos, esses lançados nos tempos de outrora, quando a arte da boa narração e da perfeita jogabilidade valia alguma coisa, qual a sincera e relevante opinião da Retro Avengers sobre produções de jogos atuais como “Minecraft” e sobre as palavras ufanistas de muitos blogueiros e youtubers que bradam em alto som que esse jogo é “o melhor do mundo”?
Retro Avengers – Cada época tem sua característica. Eu sou suspeito pra falar por ser retrogamer. Nunca joguei Minecraft, logo não posso dizer se o jogo é bom ou ruim, mas acredito que isso é mais a opinião de cada um mesmo.


CA – Como funciona a captação de recursos para manter o site sendo que vocês não vendem as revistas e como os leitores podem contribuir?
Retro Avengers – Nunca recebemos dinheiro de ninguém e espero que nunca precisemos fazer isso. O que recebemos são doações de revistas e de espaço para a hospedagem do blog e seus arquivos.


CA - Qual é a oportunidade que está faltando a Retro Avengers?
Retro Avengers – O que nos falta é mais tempo disponível pra produzir mais. As rotinas do quotidiano muitas vezes não deixam espaço para esse trabalho, que é voluntário.

http://www.retroavengers.com.br/


Biografia:
Comecou a escrever depois de um concurso em sala de aula. Dois anos depois ele publicou seu primeiro livro.
Número de vezes que este texto foi lido: 429


Outros títulos do mesmo autor

Contos Psicroalgia Caliel Alves dos Santos
Contos A espada de Ogum Caliel Alves dos Santos
Contos Cybernatural Caliel Alves dos Santos
Contos O soldado cybermnêmico Caliel Alves dos Santos
Releases Entrevista com Vinicius de Souza Caliel Alves dos Santos
Contos ESTRADA DE POEIRA Caliel Alves dos Santos
Artigos A importância da poesia Caliel Alves dos Santos
Contos Neuronet Caliel Alves dos Santos
Resenhas Os elementos de uma guerra Caliel Alves dos Santos
Releases Entrevista com Retroavengers Caliel Alves dos Santos

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 33.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2017
 
  Textos mais lidos
Amei! Que droga! - Fabiano Vaz de Mello 207539 Visitas
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 182003 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 141584 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 141480 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 127669 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 66749 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 58363 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 56554 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 56430 Visitas
Entenda de uma vez por todas o Hino Nacional - Fabbio Cortez 56168 Visitas

Páginas: Próxima Última