Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
VULNERABILIDADE
somenteescrevo



     dentadura no copo
     cadeira balançando
      mamãe cochilando


Biografia:
não me considero poeta, escrevo há muitos anos, porque gosto e por lazer.em minhas poesias retrato meus sentimentos e pensamentos, coisas do cotidiano,a vida como um todo. cresci convivendo com repentistas e tomei gosto.

Este texto é administrado por: escrevo
Número de vezes que este texto foi lido: 655


Outros títulos do mesmo autor

Poesias QUARENTENA somenteescrevo
Poesias noite mal dormida! somenteescrevo
Poesias SÃO PAULO DEVASTADA! somenteescrevo
Haicais FOFOCAS Somenteescrevo
Haicais VULNERABILIDADE somenteescrevo
Poesias Bicho papão Somenteescrevo
Poesias QUANDO EU ME FOR DESSE MUNDO! Somenteescrevo
Poesias somenteescrevo
Frases CANETA AZUL somenteescrevo
Haicais Poeira vira barro Somenteescrevo

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 16.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66823 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55345 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43832 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 43585 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43466 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 41104 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41020 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 40338 Visitas
TOMO TUDO - sigmar montemor 39495 Visitas
Lamento - FERNANDO 39392 Visitas

Páginas: Próxima Última