Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
QUEM SÃO OS VERDADEIROS DESVIADOS PARTE 3 DE 3
Muitos dizem aceitar a Jesus, mas será que ele o aceitaria?
ANTONIO FERREIRA BISPO

Resumo:
Acreditar em uma coisa e viver outra, gera uma sociedade de loucos que se acham psiquiatras

Se Jesus existiu, os cristãos estão desviados do propósito original
Se ritos litúrgicos formassem pessoas boas, no ocidente não haveria gente má

Por Antônio F. Bispo
   Se jesus realmente existiu, ser cristão seria seguir os princípios de seus ensinamentos que fizeram a diferença e não seguir uma quantidade sem fins de ritos litúrgicos inúteis após aceita-lo como salvador sob ameaça de morte em uma igreja qualquer, nem tão pouco o significado de ser cristão seria enclausurar-se em uma igreja e ser objeto de lucro infinito para líderes gananciosos.
Se houve por acaso um cristo, ser adorado, cultuado, e temido estaria longe dos seus propósitos. Isso é invenção de gente abobalhada e havida pelo poder, pois sabem que em uma grande empresa, quando o dono não estar presente, quem manda é o gerente. Então eles criam empresas de fachada, chamam essas empresas de igrejas para ficarem isentos de tributos e desse modo gerenciam a vida do povo com coisas inúteis e desnecessárias e dão mais importância em manter o povo sob servidão do que incentivar as pessoas a viverem um estilo de vida propriamente dito, baseados em bons princípios. Por esse motivo, encontramos presídios com uma população carcerária de quase 95% de cristãos. Que incoerência não?
Primeiro inventam que esse jesus foi gerado por uma pomba e uma fêmea humana, e que desse modo se tornou deus e homem ao mesmo tempo (deveria ser homem pombo), depois inventaram que ele precisa de adoração pra gostar da gente, caso contrário vai castigar todo mundo se não se render a ele confessando ser ele o próprio deus em pessoa. Criaram vários títulos sobrenaturais para esse homem-deus e perdem todo tempo falando de suas qualidades metafísicas surreais, ao invés de propagarem algum ensinamento útil que ele possa ter ensinado. Quanta babaquice! Já disse em outro texto, que todo adorador é um corrupto disfarçado, que espera por meio de bajulações corromper o ser bajulado e se sobressair sobre os demais. Nenhuma divindade evoluída que se preze se deixaria adorar, muito menos iria exigir adoração. Só gente mal resolvida, pobre de espírito e medíocre enxergam nos relacionamentos de bajulação um caminho para a grandeza. Qualquer ser de mente evoluída entenderá que esse tipo de relacionamento é o que tem atrasado todo tipo de evolução social humana. É um mal que devemos erradicar com urgência de nossos círculos e relações. Deuses que precisam ser bajulados para te fazer algum tipo de favor para a pessoas, não passa de tiranos, semelhantes a domesticadores de bestas irracionais. Enquanto houver um bajulador e um ser a ser idolatrado, haverá todo tipo de traição e segregação. Tem sido assim desde a suposta rebelião de lúcifer, até os dias atuais em todo seguimento político, religioso, militar, educacional, empresarial, etc.
Se Jesus realmente existiu, uma igreja cristã católica ou evangélica seria o último lugar em que ele iria frequentar ou comandar se realmente fosse algum tipo de messias, pois estão fazendo tudo oposto ao que realmente deveria ser. Se ele algum dia fosse visitar uma dessas igrejas, seria pra mandar fechar todas, e prender os que extorquem dinheiro em seu nome e inserir num manicômio os que fazem as maiores bizarrices dizendo estar cheio do seu espírito. Os ritos de culto feito em seu nome, seriam uma ofensa grave aquilo que seria a ideia de um jesus judeu daquele período ou um verdadeiro messias revolucionário.
Sem querer entrar no mérito dessa possibilidade de sua real existência como homem (como filho de deus já estar descartada pois isso é uma aberração, uma agregação de outras crenças), podemos tomar por base os 3 pilares que deveriam reger a vida de um verdadeiro cristão bem intencionado que seria: 1- O princípio da partilha (se você tem mais que o suficiente partilhe com quem não tem sem esperar ou cobrar nada em troca); 2-O princípio da reciprocidade (não faça aos outros o que não gostaria que fizessem com você); e 3-O princípio da comunhão entre as pessoas (só se é possível amar o invisível, se antes aprenderes amar o teu próximo real e visível).
   Apesar de esses ensinamentos serem anteriores a figura do cristo judeu, seriam válidos se fossem aplicados independente de quem os disse. Aquilo que é útil e proveitoso os líderes cristãos não prezam. Ritos, adorações, liturgias e proibições sem fim, a isso sim dão todo valor e põe nessas bobagens a base para acorrentar o povo.
   Todo discípulo conhece o seu mestre, seus ensinamentos, o que este disse e o que deixou de dizer. Os cristãos dizem seguir e obedecer jesus, mas se perguntares se eles sabem pelo menos duas ou três citações do seu mestre, eles dirão não saber. Pergunte quais são as proibições e regulamentos da igreja que eles frequentam e todos dirão de prontidão certamente, pois isso é dito todo dia. Um discípulo que não conhece o seu mestre e ainda se acha autoridade no assunto não passa de uma fraude, um mentiroso, um desviado!
   Que vergonha! Sabem o nome de toda a hierarquia da igreja a quem devem se submeter, a quem deve obedecer, a quem deve paparicar, a quem devem servir de mulas para subir de cargos, a data de aniversário, de casamento, gostos alimentícios e tudo mais da vida de seus líderes mas não sabem nada sobre aquele que eles mesmo chamam de salvador! Se contentam apenas em saber por meio de versões adaptadas de outras deuses anteriores a ele, que ele nasceu de uma virgem no dia do natal, morreu numa sexta feira da paixão, foi para os céus e um dia vem aqui acabar com tudo com sua raivinha boba e levar para os céus só aquele grupinho qual foi inserido naquela casa de câmbio. Só isso que sabem! Se realmente ele foi algum tipo de mestre, seus discípulos o desonram. Seria o mestre mais envergonhado de todos.
Os cristãos dizem que foi com seus ensinamentos que jesus revolucionou o mundo de sua época, porém alegando serem seus discípulos, fazem exatamente o oposto daquilo que seu mestre ensinou a fazer e se tornam arrogantes, vaidosos, prepotentes, presunçosos e cheios de uma ira incalculável, que quando não conseguem dobrar o outro ao seu ponto de vista distorcido, ameaça-os com o inferno e várias maldições. É isso que é ser cristão? Para que serve um cristianismo desses? São propagadores do bem ou agoureiros rogadores de pragas? Já basta a quantidade gigantesca de meliantes portando armas nas ruas te ameaçando com violência, agora vem vários desses seguidores tosco usando a bíblia como se fosse um fuzil Ak-47 para também te intimidar.
Os próprios evangelhos, apesar de sua procedência duvidosa de onde, quem ou quando foram escritos, dizem que jesus falou que o reino de deus seria justiça, amor e paz. Foi atraído por esses princípios que muitos se deixaram vir ou permanecer em algumas igrejas cristãs, a fim de deixarem fluir aquilo que de melhor havia dentro de si em função do seu próximo. Mas não foi isso que encontram lá. Encontraram o oposto disso. Perceberam que é bem mais fácil seguir tais princípios fora da igreja do que dentro dela. Perceberam que o fim da individualidade termina quando você se torna rebanho de cristo, e a vontade de deus é traduzida e interpretada de acordo com o grau de ignorância ou ganancia daqueles que afirma serem os ungidos do senhor.
   Mata-se um indivíduo, um ser pensante, para nascer em seu lugar uma ovelha muda, obediente, amedrontada, trouxa e conivente com a subordinação abusiva em nome da fé e de ritos insignificantes. Um ser humano, antes cheio de energia viva, com vontade de mudar o mundo, agora se torna um sepulcro caiado, mentindo a si mesmo todos os dias, sem ter condições de mudar nem a si mesmo, pois deixou-se pôr um “cabresto santo” para conduzir em seus ombros, aqueles que de tão santos não podem ter contato com as impurezas do mundo. Um sujeito antes com determinação própria e as vezes cheio de boas intenções, agora como um cão adestrado, funciona a base de castigo e recompensa vivendo de bajular o líder santo para alcançar a graça divina. Que triste fim para um ser com tanto potencial! O pior lugar para se tentar ser cristão como realmente deveria ser é numa igreja cristã. O interesse nesses locais é de apenas elevar o nome e as finanças do líder local e da instituição como um todo.
A igreja, uma instituição poderosa mesmo antes de receber esse nome, poderia em seu campo de influência ser usada para moldar para o bem a face do mundo, mas tem sido usada como uma gigantesca fábrica de gente abobalhada, hipócrita e arrogante que acham que por se reunirem diariamente para falar de coisas que nem sequer sabem de fato o que são, se tornaram melhores que todas as demais pessoas no mundo, e que até irão ganhar um paraíso só para sí por esse feito “grandioso”. Quanto desperdício! De um lado temos governantes inescrupulosos usando a máquina pública ilegalmente para causar danos financeiros irreparáveis a população em benefício próprio! De outro lado, temos líderes gananciosos, utilizando-se dessa gigantesca máquina de poder, para também conseguir facilmente dinheiro, prestigio e poder usando a ideia do sagrado. E o povo quem paga as contas, e como escravo agradecido diz obrigado senhor! Em dias de crises, essas instituições socorrem uma a outra pois dependem entre si do fator submissão e ingenuidade para continuarem a existir.
Desse modo, apesar de perseguir, acusar e demonizar aqueles que não quiseram se dobrar a tal sistema, os agrupamento cristãos se torna um aglomerado gigantesco de gente desviada. Desviado não é quem estar fora desses grupos. Desviado é quem estar dentro deles e tendo consciência ou não, fazem exatamente o oposto do que deveria ser feito em nome do sagrado ou de uma revolução de vida.
Tais agrupamentos se tornam desviados em 3 níveis: primeiro dizer que acreditam na bíblia, que seguem-na e assim mesmo cultuam um modelo de deus que é antagônico ao sugerido pela própria bíblia dividindo-o em três ao invés de apenas um; em segundo lugar por dizerem ser discípulos de um cara que não sabem nem o que ele disse, o que ele fez, qual a sua história e seu propósito caso ele tenha realmente existido como homem; e terceiro transformam aquilo que seria uma filosofia de vida aplicável e capaz de mudar o mundo, em rituais mortos, repetitivos, chatos e sem sentido algum, cuja intenção principal é arrecadar dinheiro e manter pessoas cativas para servirem aos mais infinitos propósitos. Três vezes desviados. Três vezes fora do rumo. Dezenas de vezes equivocados e centenas de vezes contraditórios. E ainda dizem que os que estão fora é que estão perdidos!
Então convidam pessoas inteligentes, honestas, sinceras e com propósitos altruístas para estarem nesses recintos semelhantes a covis, e quando os mesmos se recusam a permanecer lá dentro por ver tanta incoerência e acabam saindo de lá, são chamados de desviados...Façam me um favor! Algumas pessoas podem até perder a coroa, mas jamais irão perder a realeza! Se dentro daqueles ambientes eles não puderem expressar o que de bom havia em si, procurarão outros meios para o fazê-lo. Ninguém poderá conter por muito tempo as águas de um rio. Podem até represa-la, mas se não der vazão a represa é derrubada pela própria força da água causando um grande estrago.
Pessoas de propósitos em suas vidas também são assim. Mesmo se as paredes grossas da religião tentar impedi-los, eles encontrarão outros meios de transbordar. Alguém afastado de um ajuntamento religioso não significa ser uma pessoa má e depravada. Na maioria dos casos, é mais fácil encontrar as melhores intenções de propósitos em um não religioso do que em um religioso.
   Caso você estava se martirizando por ter sido obrigado a se afastar de seu agrupamento religioso e se sentia culpado por isso, é bem provável que o erro esteja neles e não em você. Eles que fizeram propagandas enganosas! Eles que mentiram em relação ao que se pregam e ao que se vivem! Eles que estão fora do rumo! Você foi pode ter sido apenas uma vítima de um passarinheiro. Não sinta vergonha disso. Sinta orgulho por ter recobrado sua sanidade e liberdade.
Há várias mentes brilhantes e pessoas que podemos no espelhar nesse mundo caso precise de um norte. Filósofos, sociólogos, matemáticos, astrônomos, cientistas, um policial honesto, um médico dedicado, uma pessoa que chegou em sua velhice com uma história digna mesmo sem certificado algum, e várias outras pessoas na sociedade de modo geral que procuram fazer a diferença com atitudes e não com faixadas de santos. Há sempre alguém que possamos nos inspirar para sermos melhor, ou evitarmos erros cometidos por outros. A vida não termina quando se abandona um grupo religioso. Na maioria dos casos, ela começa a partir deste ponto...
Cabeça erguida e vida que segue. Viva a vida em sua plenitude sem precisar se um depravado ou um ser auto destrutivo. Tudo em excesso é prejudicial! Reveja todos os seus conceitos e não precisa perder tempo tentando dar explicações a pessoas que já tem um julgamento pronto mesmo antes de ouvir os fatos. Estes não se importam como você! Se importavam apenas no lucro, serviço ou prestigio que você dava ao grupo. Quem te ama e te respeita, o faz independente se estiveres ligado ou não ao grupo. Gente mesquinha sempre irá se irritar com gente evoluída.
A vida é bela. Viva e seja feliz. Existe vida fora dos currais da fé! Sucesso nessa sua jornada. Cada minuto dessa vida é importante e não apenas o paraíso futuro como nos foi ensinado. Viva sua vida respeitando a si mesmo e aos outros e encontrarás a paz.
Um abraço!


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 373


Outros títulos do mesmo autor

Ensaios A GRANDE HIPOCRISIA SOCIAL (CRISTÃ) PARTE 2 DE 2 ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios A GRANDE HIPOCRISIA SOCIAL (CRISTÃ) PARTE 1 DE 2 ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios DIFERENCIANDO SABER DE ACREDITAR ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios E A FÉ EM DEUS, PARA QUE SERVE? ANTONIO FERREIRA BISPO
Discursos O ALTO PREÇO DOS PARASITAS SOCIAIS PARTE 3 DE 3 ANTONIO FERREIRA BISPO
Discursos O ALTO PREÇO DOS PARASITAS SOCIAIS-PARTE 2 DE 3 ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios O ALTO PREÇO DOS PARASITAS SOCIAIS ANTONIO FERREIRA BISPO
Discursos A GRANDE QUESTÃO DOS SÍMBOLOS SAGRADOS ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios NÃO "COMPRE" UMA PESSOA PELO SEU TÍTULO ANTONIO FERREIRA BISPO
Ensaios HERANÇAS DA INQUISIÇÃO-COMO COMBATÊ-LAS ANTONIO FERREIRA BISPO

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 53.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2017
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 182584 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 146704 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 146191 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 128154 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 67233 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 64090 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 58310 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 57563 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 57294 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 53381 Visitas

Páginas: Próxima Última