Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
HELENA
BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Resumo:
O ECA é excelente.Não para nossa realidade; pois ao invés de corrigir, prejudica muito mais. O Sistema correicional brasileiro está falido e nossos adolescentes infratores estão indo para a "Faculdade do crime". Infelizmente.

Jovem adolescente e muita vida pela frente....
Morena afeiçoada e olhos pérolas esverdeadas.
Desde cedo pela vida e jogada pelo mundo....
Os conselhos não tinham mais valor profundo.
Pois achava que da vida tudo mais já sabia.

Nas ruas e avenidas encontrou a vida louca.
Que sempre almejava e sempre queria....
Às drogas, prostituição e falsas amizades.
Ah! vida louca; sempre dizia que queria viver.
A infinita ilusão e um preço seu corpo valia....E assim foi levando num mundo insignificante...Dos crimes, das drogas e da prostituição.

Entradas nas delegacias e medidas sócio
educativas......Nas contas se perdia; não sabia nem dizer; tantos atos que cometia.
Seus pais, sua família; sempre ali para acolher.Mas vida louca era sempre o que Helena queria e sempre dizia.Nas tantas idas e vindas.

Um certo dia então, Helena resolveu que queria muito mais.Se armou de uma quadrada e junto com os “irmão”;resolveu aventurar tomando uma condução.E,em certo trecho da auto-estrada resolveu anunciar.Um assalto em andamento e só Helena estava armada.

O sol já anunciava um belo e novo dia raiar.
Com a sua quadrada nas mãos para cima Helena foi.Mas um tiro à sua frente surgiu mais que de repente.Helena não esperava; um tiro bem certeiro parou sua caminhada.

Ainda desesperada; tentou em vão fugir.No chão o sangue jorrava.No corredor da ilusão um silêncio estático vendo Helena que ali agonizava e o sol tão reluzente em seus olhos com a cor da morte, não mais brilhava.




Biografia:
"As obras do artista só têm valor, quando consegue atingir a sensibilidade daqueles que entendem"
Número de vezes que este texto foi lido: 738


Outros títulos do mesmo autor

Poesias BAR DO PARQUE BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel ABRIR AS CELAS BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias A GRANDE LUA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias MEU ESCRIBA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias DIANTE DO ESPELHO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias CHUVA DE GRANIZO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias JAMBEIRO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias PSIQUE HUMANA BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias BRINQUEDOS DE MIRITI BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 54.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 183186 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 152120 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 151516 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 128629 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 67647 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 66369 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 59780 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 59681 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 57843 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 53798 Visitas

Páginas: Próxima Última