Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
PULA CATRACA 7 IND 16 ANOS
DE PAULO FOG
ricardo fogaça

Resumo:
BOM

Soraia ali na cama, recebe 1 copo de suco de abacaxi por Ivan.
    - Me desculpe.
    - Não, você não sabia.
    - Olhe, ser gay não é algo tão ruim assim.
    - Para mim é, olhe Ivan, não quero, não gosto, mais tenho de aceitar essa situação.
    - Nossa, não consigo entender, olha o que esta dizendo, So, ele é seu primo, e o Ederson seu amigo.
    - E ai, cara, você esta um tanto chocado, sobre o Ederson, tudo bem, já pelo meu primo não, não aceito e pronto, acho horrível tudo isso.
    - Já falou isso a ele?
    - De certa forma, ele sabe.
    - E ai?
    - Bem, Ivan, tem algo que tenho que lhe dizer.
    - Sim.
    - Bem, quando eu soube do Augusto com aquele cara, em certo, eu fiz com isso que ele te contratasse.
    - Como assim?
    - Isso mesmo que eu disse, eu........
    - Você o chantageou?
    - Sim, se pensa assim, é isso.
    - Meu, eu não acredito.
    Ivan senta ao lado dela na cama.
    - E então?
    - Você me ama?
    - Como?
    - Cara, pra ter feito isso, você me ama.
    - Acho que sim.
    Ivan agarra a mulher e a beija.
    - Você não vai ficar com raiva?
    - Não, eu não vou.
    - Te amo.
    - Nossa, como eu queria ouvir isso.
    - Bobo.
    Mais beijos e caricias dos dois.
    Sueli termina de arrumar as roupas na mala fechando-a.
    - O que é isso?
    - Vou dar um tempo daqui.
    - O quê, esta louco, é minha mulher.
    - Por enquanto ainda sou, Miguel, acho melhor a gente ficar assim, dando um tempo.
    - Ficar como, eu corno e você a vadia?
    Sueli bate na cara dele, Miguel avança nela, a porta é fechada a chutes e golpes e socos são ouvidos vindo de lá.
    Anderson ali no banheiro de seu apartamento, realiza mais uma sessão de masturbação intíma.
    Com direito a gemidos e algum grito, logo o produto resultante daquilo é jorrado no azuleijo.
    - Puta que pariu, foi demais isso.
    Ele liga a ducha íntima que solta água quente e lava sua sujeira ali, passado alguns minutos, já de banho tomado, ele entra num chat de papo sensual e troca mensagens com uma mulher.
    No outro lado do papo, Marli troca confidencias e ri muito daquele cara cujo seu nick é amor esperto, sendo o dela flor de desejo.
    - Não consigo imaginar que tão rápido encontrei um cara tão legal e de bom papo.
    Um de seus filhos entram no quarto e ela se desconecta no mesmo instante da rede.
    - Mãe.
    - O que foi filho?
    - Estou com fome.
    - Sim, com certeza esta, só por isso entrou aqui.
    - Me desculpe.
    - Vamos lá.
    A mulher sai na companhia do filho para a cozinha, Anderson fica um tanto angustiado com o término do papo ali, ele já estava planejando em ligar sua cam e se mostrar para ela.
    Gerson entra no quarto com um carrinho de serviço do hotel, com champanhe, morangos, água com gáz.
    - Para que tudo isso?
    - Oras Augusto, pra gente, vamos conversar nos conhecer e ai?
    Leonildo sai da poltrona, vai até o carrinho pega uma garrafinha de água, biscoitos e morangos.
    - Eu é que não vou ficar aqui com fome, não sei vocês mais eu estou morrendo de vontade de comer.
    - Gostei disso.
    Gerson avança no carrinho também.
    Augusto sai do sofá e vai até a porta.
    - Onde você vai?
    - Acho que estou sobrando aqui, vocês se divirtam o máximo que puderem.
    - Por que só a gente, você também faz parte disso, afinal eu chamei os dois, os dois principais da minha vida.
    - O que diz?
    Gerson se aproxima dele.
    - Eu disse que quero vocês dois juntos comigo, quero ter meus amores sempre assim comigo.
    - Amores?
    Augusto tira do bolso a chave do carro e a alinaça.
    - Tome aqui seu amor.
    Augusto sai batendo a porta.
    - Não vai atrás dele?
    - É tudo que quer, não, daí te perco também?
    - Com certeza que irei embora.
    - Melhor então nos divertirmos só nós, o que acha?
    - Acho que tá.
    - Que tal morangos com champa aqui na minha boca agora?
    - Certo.
    - Gostoso.
    - Olha só não quero criar problemas entre você e seu noivo.
    - Deixa que isso eu resolvo.
    - Sempre resolve.
    Leonildo pega a chave do carro e aliança que fora jogada por Augusto.
    - Realmente gostas muito daquele cara, hein.
    - Ele faz por merecer.
    - Legal acho que vou indo também.
    - Pare com isso, o que tenho planejado para ti é bem melhor.
    - O quê?
    - Faça por merecer.
    - Obrigado mais não, não sou daqueles que tem de se humilhar em uma fila imaginária a seu bel prazer, adeus.
    - Oi, ficou bravinho por que, se esqueceu te tenho nas mãos, agora vai, fica bem calminho e me deixe feliz, relaxado.
    - Você não presta.
    - E você é bem gamadinho nisso.
    Leonildo se aproxima e o beija.
    Miguel sai de casa, Sueli jogada entre a cama e a parede, tem suas roupas espalhadas pelo quarto, ela aproveita a saída do homem, faz uma ligação no celular do filho.
    - Oi.
    - Augusto?
    - Sim e quem.......
    - Sou eu Sueli, trabalhamos juntos numa feira gastrônomica no ano passado...
    Depois de alguns segundos ele se lembra dela.
    - A, sim, oi, você esta bem?
    - Não, por favor, me perdoe, mais preciso e muito da sua ajuda, não desligue por favor.
    - O que houve?
    Ela relata os acontecimentos a Augusto aos choros, ele liga para César e logo ambos seguem para a casa dela.
    Chegando na casa, uma viatura da policia, ela e os filhos muito assustados, ao ve3r Augusto ela corre até ele.
    - Me desculpe mais não sabia o que fazer, por favor me desculpe.
    Augusto a recebe com um abraço e palavras de conforto, Miguel vê aquilo e esbraveja de longe, traz nas mãos sacolas com bebidas ele nem se dá conta da policia ali.
    Ele recebe voz de prisão e é colocado na viatura, sempre em xingos e ameaças a mulher e aos filhos.
    - Você vai me pagar vadia louca, bruxa.
    - Vá se fuder.
    A viatura segue com ele, Sueli e os filhos vão no carro de César, Augusto pega um táxi e os acompanha.
    Soraia abre a porta da casa, Ivan ajuda Ederson a entrar e o rapaz senta no sofá.
    - Acho que posso ficar na minha casa.
    - Jamais, nunca, você fica aqui com a gente.
    - Que legal Soraia, não sabia que vocês estão morando juntos, acho que vou atrapalhar o casal.
    - Não estamos namorando, ainda, e nem morando juntos, Ederson, aqui mora eu e meus primos.
    Ivan entra no assunto.
    - Mais logo iremos morar juntos e namorar também. Risos.
    - Legal.
    - E eu moro bem perto daqui, do outro lado da rua. Completa Ivan.
    - A So, é realmente uma mulher de sorte.
    Soraia entra na conversa.
    - Vou preparar algo para vocês.
    - Obrigado.
    Ela sai deixando Ivan com o amigo.

                     21032020.....



Biografia:
amo ler e muito mais escrever, sou assim
Número de vezes que este texto foi lido: 59


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas A GLOBO E SEUS DEVANEIOS EM RENTABILIDADE DEPLORATIVA ricardo fogaça
Contos PULA CATRACA 7 IND 16 ANOS ricardo fogaça
Crônicas MAIS CORONA E BBB 20 ricardo fogaça
Crônicas O MEU BRASIL E NOSSO SUS ricardo fogaça
Crônicas O CORONA E O BRASIL PROGRESSO ricardo fogaça
Contos PULA CATRACA 6 IND 16 ANOS ricardo fogaça
Contos PULA CATRACA 5 IND 16 ANOS ricardo fogaça
Crônicas PANDEMIA ricardo fogaça
Contos PULA CATRACA 4 IND 16 ANOS ricardo fogaça
Contos PULA CATRACA 3 IND 16 ANOS ricardo fogaça

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 22.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 64415 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 54252 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43122 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 42699 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 40584 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40188 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 37625 Visitas
Amores! - 35854 Visitas
Desabafo - 35273 Visitas
Faça alguém feliz - 33685 Visitas

Páginas: Próxima Última