Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Os dois pestinhas
Lee Al

Resumo:
Há muito tempo atrás, aconteceu um fato que tornou-se histórico transformando por sua vez a vida de milhares de pessoas. Esse fato se deu pela ocorrência de um assalto a um banco.

Em 1853, dois irmãos klaier e klasher estavam a passear durante a noite, numa quinta- feira, na cidade de Bervelihill, com um propósito não agradável aos moradores, pois esses dois eram grandes pestinhas que tornavam qualquer cidade um caos. Nessa trajetória, encontraram um local onde estava escrito Bank Money e juntamente os dois começaram a conversar.
Klaier disse a klasher:
- O que você acha de tentarmos invadir este local? Teremos dinheiro, mais comida e vida melhor.
- Sabe klaier, eu concordo, estarei a te acompanhar, meu irmão.
E assim se cumpriu. Os dois invadiram o local com uma tecnologia tão bem sofisticada que a ocorrência tornou-se super fácil.
   No banco, além das máquinas e de toda arquitetura que preenchia o local, encontrava-se uma porta que levava ao sótão, local o qual aparecia uma luz brilhante e esverdeada e que estava escrito no chão: Proibida a visita de pessoas. Conforme dois curiosos, não se contentaram com o dinheiro e entraram, levando-os a uma experiência incrível e assustadora.
   - Ual -disse klasher;
   - Não posso crê. É muito brilhante e linda, estarei a ficar cego- disse klaier;
   Nenhum dos dois sabia o que realmente havia encontrado e o que era aquela pedra brilhante e quais seriam seus efeitos. Os dois saíram do local e levaram- na consigo.
   Depois de alguns meses, começaram a surgir os efeitos como tosse e muito outros que não curavam. Eles preocupados, foram ao médico, o qual disse:
- Vocês estão infetados com um elemento radioativo gama que causa graves problemas e morte inclusive as pessoas com quem vocês estiverem contato.
   Ao ser acionada à vigilância juntamente com a polícia, a pedra foi removida da casa e desintegrada.
   Depois de alguns meses, já na prisão, os dois irmãos morreram tornando um alívio para os sobreviventes. A cidade ficou sem moradores e embora 100 anos do acontecimento ainda surtem os efeitos até hoje nas cidades vizinhas.




Biografia:
"Apenas um indivíduo que tem pensamentos grandes."
Número de vezes que este texto foi lido: 419


Outros títulos do mesmo autor

Poesias O destino de um vencido Lee Al
Poesias Euforia do momento Lee Al
Contos Os dois pestinhas Lee Al
Poesias O motivo Lee Al


Publicações de número 1 até 4 de um total de 4.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 183458 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 154875 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 154311 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 128882 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 67852 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 67076 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 65752 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 60325 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 58114 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 54041 Visitas

Páginas: Próxima Última