Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Talvez não agora
Leonardo de Jesus Vieira

Resumo:
Historia sobre mim e uma garota que mexe demais com a minha cabeça e coração!

Lhes apresento a comedia romântica mais confusa e azarada da história. Meu nome é Leonardo e eu sou o protagonista dessa história bem complicada de ser entendida em poucas palavras.
Tudo começa no ano de 2015, no começo do ano letivo, quando descubro quem seriam meus companheiros de sala. Alguns rostos conhecidos, muitos novos e um em especial. Naquela hora eu não sabia, mas aquele rosto especial me traria muita felicidade e tristeza. Ana era seu nome, de início não me chamou muita atenção, apesar de “fazer o meu tipo” de garota. Passam-se os dias e finalmente me vejo atraído pela beleza de Ana, “mas pera”, essa garota é muita areia para o meu caminhãozinho, para que me importar em tentar algo se o Não é certo?
Mais dias se passam e enquanto converso com antigos amigos, descubro que são amigos em comum com Ana, e que ela era uma pessoa muito fácil de se virar amigo, curtia as mesmas coisas e era um pouco doidinha. Definitivamente alguém que valeria a pena conhecer melhor.
Nos tornamos amigos muito fácil, talvez não amigos, mas bons colegas. Riamos fácil, trocávamos historias, brincávamos com jogos de terror e isso durante uma boa parte do ano. Quando percebi, já estava gostando dela. Era um bom sentimento, mas até onde eu achava essa garota inacessível, a ponto de me fazer não falar, nem sequer, uma palavra sobre tal sentimento?
Mais tempo se passa, nossa amizade se torna concreta ao mesmo tempo que meu sentimento. Eu gostava dela e precisava fazer algo a respeito! E quem disse que eu conseguia?
Ana tinha um namorado, não parecia muita coisa, talvez uma quedinha de ensino médio. Logo eu teria minha chance! Certo? Errado!
Ana se afastou de mim, dizendo ser por uma “mancada” minha. Mesmo não gostando, e me desculpando inúmeras vezes, respeitei sua decisão. Para mim, nossa história havia acabado.
Estava enganado, 1 ano e meio se passa até que recebo uma mensagem de um desconhecido com os seguintes dizeres, “Cabeça de ovo”, sem entender muito bem, pergunto quem é o remetente de tal mensagem, eis que meu coração pula pela boca quando recebo a resposta, de apenas 5 letras e 2 espaços, que dizia “é a Ana”.
Não pode ser! Aquela Ana? Entre milhares de batimentos cardíacos, consigo responder com humor, “Não conheço nenhuma ana” e fácil assim, a amizade volta como se nada tivesse acontecido. Mas e o sentimento? Voltou junto! Mas diferente do que era antes, mais forte talvez. Em meio a telefonemas matinais e horas seguidas de conversa, puff! Eu estava apaixonado! Mas como assim apaixonado por uma garota que você voltou a conversar, a menos de duas semanas? Assim, puff! Era inegável o fato de que eu estava apaixonado por essa garota.
Porém, ela não estava apaixonada por mim. Ela dizia que gostava de mim desde o ensino médio, mas que não poderia ocorrer nada, já que ela namorava. Mas e agora? Será que essa era a minha chance de faze-la ao mínimo um pouco feliz? Não! Não era, apesar de ainda gostar de mim, ela gostava ainda mais de um outro cara. Injusto? Talvez. Falta de sorte? Com certeza!
A partir dessa revelação, eu venho tentado conviver com o fato de que ela não será minha. Talvez nunca, talvez não nesse ano, talvez não agora! Mas talvez eu não precise que ela seja minha. Talvez sua amizade seja a única coisa que precise dela por muito tempo.
Ela me faz bem! E apesar de triste, eu estou feliz! E não pelo o que possa a vir a acontecer no futuro, mas sim pelo o que acontece no presente! Ela pode não estar apaixonada por mim, mas gosta o bastante para não ficar um dia sem me acordar cedinho para conversar com ela! E sinceramente? Essa é a melhor coisa do mundo!


Biografia:
Jovem adulto, apaixonado e ferrado.
Número de vezes que este texto foi lido: 588


Outros títulos do mesmo autor

Biografias Talvez não agora Leonardo de Jesus Vieira


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2017
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 182584 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 146704 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 146191 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 128154 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 67233 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 64090 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 58310 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 57563 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 57294 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 53381 Visitas

Páginas: Próxima Última