Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Avaliando Conforme Deus Avalia
Silvio Dutra

Por Silvio Dutra
Se pretendemos fazer uma avaliação real, honesta e correta da vontade de Deus, sobretudo em relação à santidade que é esperada por Ele de nós, é necessário que o façamos estando fortificados pela graça, andando no Espírito, pois não é incomum que se atribua grandes distorções ao pensamento do que seja tal vontade, quando nos encontramos em estado de fraqueza espiritual, andando na carne e segundo o curso de pensamento deste mundo.
Quando somos fracos para a carne, somos fortes no Espírito, mas quando somos fracos no Espirito, quem se fortalece é a carne, e nada do que é gerado pela carne pode ser efetivamente espiritual.
Sendo Deus espírito, importa que possa ser somente conhecido em espírito, e, em consequência, se somos fracos no espírito, não podemos realizar uma justa avaliação de qual seja a boa, perfeita e agradável vontade de Deus. Esta é a razão de que mesmo entre os crentes se veja noções muito incorretas do que seja um viver santo, pois, uma mentalidade carnal e mundana, não somente é incapaz de conhecer o que seja a verdadeira santificação, como também não pode manifestar qualquer interesse real por ela.
Os conceitos que são tão essenciais e que se encontram intimamente ligados à santificação real, como por exemplo, os de mortificação, de renovação, de despojamento do velho homem e revestimento do novo, da autonegação e do verdadeiro carregar da cruz, não apenas são desconhecidos nestes casos, como também chegam a ponto de operar verdadeiro pavor em somente se pensar neles, como sendo coisas inalcançáveis, impossíveis e exageradas. E a rigor, o são de fato se consideradas do ponto-de-vista da carne, pois não se encontra no poder da carne a possibilidade de estar sujeita a elas.
O prazer em tais noções ligadas à santidade só pode ser achado naqueles que estão sendo santificados de fato pelo Espírito Santo, e mediante a prática da Palavra, pois é todo o desejo deles cumprir somente o que seja da vontade de Deus em todo o seu procedimento, ainda que isto lhes custe ter que passar por várias provações da fé, para serem aperfeiçoados na referida santidade.
Agora, de onde decorre toda esta dificuldade para sintonizarmos a nossa vontade com a do Senhor?
Tudo começou na Queda, no Pecado Original no Jardim do Éden, quando o homem escolheu viver desligado da Cabeça Divina, sem levar em conta que é inteiramente dependente do Criador para ter a vida espiritual abundante para a qual havia sido destinado a alcançar em graus cada vez maiores, pela íntima comunhão com o próprio Cristo.
Ao escolher a vontade de Satanás, e não a do Criador, caiu em estado de rebelião, sujeitando ao referido estado toda a sua descendência.
Tornou-se escravo do pecado, do diabo e de si mesmo, e não desfruta da liberdade daqueles que são prisioneiros da graça de Deus, ligados a Ele pelos laços do amor eterno.
Nesta condição, como poderia ter prazer em viver pela vontade de um outro, a saber de Jesus Cristo, designado para ser a Cabeça dos homens eleitos para serem os verdadeiros filhos de Deus?
Como poderiam ter a mesma satisfação plena do próprio Filho Unigênito em se submeter inteiramente ao Pai, estando desligados da Cabeça Santa e Eleita que foi designada pelo Pai para governar seus espíritos e vontade?
Não é sem motivo que a Bíblia declara como maldito o homem que confia no mero homem para ser o Seu Guia, Pai e Senhor nas questões relativas à vida espiritual eterna, pois todo aquele que o fizer será achado debaixo de maldição, pois a bênção divina para o homem pode ser encontrada somente quando a sua confiança está inteiramente depositada em Cristo. e vivendo debaixo do Seu jugo, direção e instrução.
Então, quando um crente não anda no Espírito, não segue e não vive as instruções da Palavra de Deus, fazendo dela a sua única regra de fé e de prática, será inútil tentar tratar com ele sobre assuntos espirituais, pois o seu coração não está cheio da Palavra, e a boca fala somente daquilo de que o coração está cheio, e geralmente, nestes casos transborda com as coisas que são do mundo, das que são daqui debaixo, e não das que são de Deus e do alto.
Muitos vão ficando cada vez mais endurecidos na citada condição, e isto chega a tal ponto que parece quase impossível trazê-los de volta ao ponto de onde decaíram da graça. Afeiçoaram-se ao mundo de tal maneira que tudo lhes parece muito natural e lícito, ainda que haja entre o que aprova coisas que sejam verdadeiras abominações aos olhos de Deus, havendo inclusive entre elas aquelas que são afirmadas diretamente na Palavra como tal.
Este afastamento (apostasia) da fé e da verdade, sobretudo por um procedimento resultante de uma mentalidade carnal e mundana é uma das características principais profetizadas na Bíblia como sendo indicadoras da proximidade do retorno do Senhor para julgar o mundo. A segunda em ordem é o aumento da iniquidade que conduzirá à manifestação do Anticristo.
O mundo está fervendo como um caldeirão que cada vez fica mais borbulhante, e o pecado é visto transbordando por todas as partes, sendo banalizado por causa de sua ocorrência tão comum. Parece algo aceitável, normal, ligado indissoluvelmente à estrutura do homem, e com isto se esquece que este foi criado perfeito, para viver em perfeição diante do Seu Criador, por toda a eternidade.
Cristo, e somente Ele, pode nos resgatar desta miserável condição de escravidão ao pecado, de modo que estando libertados, possamos viver parar servir e amar a Deus e a todos os que são por Ele gerados e amados.
Ninguém se iluda, pois sem santificação ninguém poderá ver o Senhor (Hebreus 12.14).
Sem esta estranha forma de viver para os que são do mundo, em que consiste a santificação, ninguém chegará a conhecer a vontade de Deus, a fazer uma justa avaliação da mesma, e o pior de tudo, jamais poderá ser achado na Sua presença, quer aqui embaixo, quer no por vir, lá no Céu.
Muito melhor então ser considerado um estranho para o mundo, se a causa disto é a de ser um amigo bem conhecido por Deus.
Não importa se somos abandonados, rejeitados, perseguidos, desde que mantenhamos uma boa consciência para com Deus e todas as pessoas que são pela verdade.
Temos razão de dar muitas graças ao Senhor, que não somente nos salvou, como também nos leva a ficar interessados na salvação de outros, para que também sejam transportados das trevas para a luz, da potestade de Satanás para a de Deus, a fim de serem santificados por meio da fé em Jesus.
Em nós mesmos somos fracos, mas no nosso Deus somos feitos fortes.
Em nós não habita qualquer excelência que seja de nós mesmos, mas temos a sobre-excelente glória do poder do Espírito Santo que habita nestes frágeis vasos de barro que são os nossos corpos.
Não temos luz própria, mas a luz de Jesus é refletida por nós, quando obedecemos os Seus mandamentos e fazemos o que Lhe é agradável.
É Ele quem acende, e faz aumentar ou diminuir o brilho da nossa lâmpada, de forma que somente a Ele seja tributada toda a glória.
Bendito Senhor, bendito Salvador, bendito Remidor, bendito Rei, Sacerdote e Profeta, que nos faz compreender e nos capacita a fazer e a sofrer a vontade de Deus com grande alegria em nossos corações. Sem isto, nada somos, e ainda que entreguemos o nosso corpo ao martírio, distribuamos todos os nossos bens aos pobres, e façamos muitas obras em nome de Deus, nada somos, nada nos aproveitará no fim, quando nos encontramos vazios do real conhecimento da vontade de Deus para as nossas vidas, que é sobretudo o de que nos santifiquemos mediante a Sua Palavra, pelo poder, direção e instrução do Espírito Santo.
“Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da fornicação; (1 Tessalonicenses 4:3)
“Ora, amados, pois que temos tais promessas, purifiquemo-nos de toda a imundícia da carne e do espírito, aperfeiçoando a santificação no temor de Deus.” (2 Coríntios 7:1)
“Mas agora, libertados do pecado, e feitos servos de Deus, tendes o vosso fruto para santificação, e por fim a vida eterna.” (Romanos 6:22)
“Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação.” (1 Tessalonicenses 4:7)
“Mas vós sois dele, em Jesus Cristo, o qual para nós foi feito por Deus sabedoria, e justiça, e santificação, e redenção;” (1 Coríntios 1:30)
“Mas devemos sempre dar graças a Deus por vós, irmãos amados do Senhor, por vos ter Deus elegido desde o princípio para a salvação, em santificação do Espírito, e fé da verdade;” (2 Tessalonicenses 2:13)
“Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor;” (Hebreus 12:14)
“Eleitos segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e aspersão do sangue de Jesus Cristo: Graça e paz vos sejam multiplicadas.” (1 Pedro 1:2)


Biografia:
Servo de Deus, que tendo sido curado, pela graça de Jesus, de um infarto do miocárdio e de um câncer intestinal, tem se dedicado também a divulgar todo o material que produziu ao longo dos 35 anos do seu ministério, que sempre realizou para a exclusiva glória de Deus, sem qualquer interesse comercial ou financeiro. Aprisionado a Uma Visão Há alguns anos atrás, falou-me o Senhor numa visão que eu fosse ter com os puritanos e com Martyn LLoyd Jones. Exatamente com estas palavras. Por incrível que possa parecer, até então, nunca havia ouvido falar sobre os puritanos e LLoyd Jones. Todavia, de lá para cá, há mais de uma década, não fiz outra coisa tão dedicadamente em toda a minha vida, do que estudar as suas obras, e foi nelas que muito aprendi a ter a consistência bíblica doutrinária que adquiri, e que exponho em meus textos. Mais tarde, fui impelido pelo Senhor a divulgar todo o material que havia produzido como fruto do referido estudo. As obras dos puritanos são muito densas e extensas, e tive que condensá-las e adaptar parte do seu conteúdo para uma forma de linguagem mais atual, tendo no entanto o cuidado, de não prejudicar o teor da mensagem. Você pode ler e ouvir estas mensagens nos meus seguintes blogs e site: http://aguardandovj.blogspot.com.br/ Mensagens Sobre o Tempo do Fim e a Volta de Jesus http://www.verdadeevida.org/ Site com centenas de textos, áudios e vídeos sobre o evangelho verdadeiro (com material dos pastores Charles Haddon Spurgeon, John Woen, John Wesley, John Macarthur, John Piper, Paul Washer, Lloyd Jones, John Wesley, Silvio Dutra, entre outros) http://livrosbiblia.blogspot.com.br/ Comentário dos livros do Velho Testamento http://livrono.blogspot.com.br/ Comentário dos livros do Novo Testamento http://retornoevangelho.blogspot.com.br/ Mensagens em textos e vídeos relativos ao Evangelho Verdadeiro. http://poesiasdoevangelho.blogspot.com.br/ Poesias sobre o Evangelho Verdadeiro Com Quem Estou Compromissado Quanto aos textos que tenho postado, que são em grande parte relativos a temas religiosos, estou compromissado: - Primeiro, com Deus Pai, com Jesus Cristo e com o Espírito Santo. - Depois com a exposição e interpretação exatas da Palavra de Deus, conforme se encontra na Bíblia. - Com meus amados leitores que têm sido tão gentis e pacientes comigo. - Finalmente, com minha própria consciência, quanto ao dever de ser honesto e verdadeiro em tudo que tenho escrito. Não estou compromissado e nem vinculado a qualquer instituição ou denominação religiosa, de modo que tudo quanto escrevo nunca tem o propósito de defender ou atacar qualquer pessoa ou instituição, mormente quanto às convicções e crenças que elas postulam, senão somente de expor o conteúdo bíblico em toda a sua extensão e profundidade.
Número de vezes que este texto foi lido: 303


Outros títulos do mesmo autor

Artigos O Melhor e Maior Argumento para a Santificação Silvio Dutra
Artigos Unidade Vital Silvio Dutra
Artigos O Juízo que é para o Bem Silvio Dutra
Artigos Avaliando Conforme Deus Avalia Silvio Dutra
Artigos Nem um Til ou Jota Silvio Dutra
Artigos O Uso Permanente do Capacete da Salvação Silvio Dutra
Artigos O Significado de o Justo Viver pela Fé Silvio Dutra
Artigos Um Simples Palco de Aperfeiçoamento para um Mundo Melhor Silvio Dutra
Artigos Espírito Santo Silvio Dutra
Artigos A um Passo da Eternidade Silvio Dutra

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 2057.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2017
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 182609 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 147176 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 146729 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 128175 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 67254 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 64174 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 58400 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 57591 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 57328 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 53405 Visitas

Páginas: Próxima Última