Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A "cerimônia" dos 470 anos de São Paulo
Vander Roberto

Os 470 anos da cidade de São Paulo não passou batido por mim. Estive na cerimônia em homenagem aos fundadores da cidade e o evento foi rápido em frente ao Pateo do Collegio não durando nem quinze minutos para entrega de coroas de flores no momumento frontal. A cidade teve outros eventos ao qual não participei. As autoridades estiveram presentes exceto o Governador Tarcísio de Freitas que enviou representante, coisa indelicada por sinal. No mesmo instante da cerimônia houve uma corrida e caminhada bem em frente ao Pateo do Collegio dificultando o acesso ao local pela Rua Boa Vista. Chamou minha atenção a falta de ônibus em dia de gratuidade, falha absurda para deslocamento no aniversário da cidade sem contar o excesso de mendigos e pedintes.

A cerimônia foi fraca e decepcionante para os 470 anos. A Polícia Militar do Estado de São Paulo esteve presente com sua orquestra e não executou o Hino da cidade de São Paulo e nem do Estado de São Paulo mais uma vez. Há uma desconexão evidente com o evento neste caso. Tocou-se uma música do grupo Demônios da Garoa dando por encerrada a cerimônia. As bandeiras já estavam previamente hasteadas e nem o cerimonial foi feito. Esquisito. Senti uma falta de respeito. Não bastasse a ausência do Governador ainda tivemos algo do tipo "faz rápido para acabar logo". Inaceitável. O cacique Tibiriçá deveria estar revirando no túmulo dele lá na cripta da Catedral da Sé tamanha a falta de sentimento. As próprias coroas de flores pareciam diminutas perto daqueles que fundaram a cidade em 25 de Janeiro de 1554.

A data passa e ficam os problemas crônicos na cidade. É muito visível o empobrecimento popular, o aumento da população morando nas ruas, muita gente evitando sair para não gastar dinheiro. O comércio no centro praticamente nem abriu havendo uma padaria e um restaurante no meu trajeto. Não abriram a Livraria UNESP, o sebo do Messias e até a igreja São Luiz Gonzaga. Geralmente quando há eventos desta natureza os comércios costumam abrir em outras cidades e neste caso estavam fechados. A violência e o aumento de crimes são evidentes nestes locais e especialmene gente dormindo na rua! Isto parece ter contribuído para a baixíssima e quase nula presença dos(as) paulistanos(as) na cerimônia na parte externa do Pateo do Collegio. Dentro, haviam monitores e somente umas 30 pessoas circulavam por lá quando retornei após comer alguma coisa um pouco distante. Acabei retornando para casa onze da manhã e cheguei meio dia e quinze após esperar quase 30 minutos um ônibus no Terminal.

Espero que em 2025 o evento seja melhor e mais pensado para uma data tão importante para a população da cidade de São Paulo e os(as) paulistas em geral além de quem adotou a capital como lar. Cada ano o evento está ficando paupérrimo. Não há mais o glamour visto décadas antes como no Quarto Centenário com desfiles escolares e até músicas para tal festividade. Mário Zan que fez a música "Quarto Centenário" e Hebe que cantou "São Paulo Quatrocentão" devem estar tristes onde estiverem. A Memória da cidade de São Paulo parece ter sido enterrada com seu próprio passado. A população paulistana dá bons sinais que História não é interessante. Triste. Mudemos isto.


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 177


Outros títulos do mesmo autor

Artigos Definidas as semifinais do Paulista A3 2024 Vander Roberto
Artigos Campeonato Paulista 2024 entra na reta final Vander Roberto
Artigos Sociedade etarista Vander Roberto
Artigos Os ensinamentos de Cristo Vander Roberto
Artigos A visita de Macron ao Brasil - Março/2024 Vander Roberto
Artigos A Alemanha ressurge das cinzas Vander Roberto
Artigos Brasil x Espanha assustou! Vander Roberto
Artigos Brasil e Inglaterra com emoções! Vander Roberto
Artigos 1º jogos da 2ª fase da A2 em 2024 Vander Roberto
Artigos Definida a 2ª fase do Paulista A3 2024 Vander Roberto

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 114.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
JASMIM - evandro baptista de araujo 68954 Visitas
ANOITECIMENTOS - Edmir Carvalho 57876 Visitas
Contraportada de la novela Obscuro sueño de Jesús - udonge 56689 Visitas
Camden: O Avivamento Que Mudou O Movimento Evangélico - Eliel dos santos silva 55758 Visitas
URBE - Darwin Ferraretto 54999 Visitas
Entrevista com Larissa Gomes – autora de Cidadolls - Caliel Alves dos Santos 54850 Visitas
Sobrenatural: A Vida de William Branham - Owen Jorgensen 54812 Visitas
Caçando demónios por aí - Caliel Alves dos Santos 54749 Visitas
O TEMPO QUE MOVE A ALMA - Leonardo de Souza Dutra 54688 Visitas
ENCONTRO DE ALMAS GENTIS - Eliana da Silva 54654 Visitas

Páginas: Próxima Última