Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Dilúvio do Amor
Bia Nahas

Sinto o amor a transbordar
em vontade de me aproximar
para te acariciar e abraçar
e momentos únicos compartilhar.

Nas minhas costas, nascem asas
depois de tanto desejá-las da minha casa
para ir voando até a sua janela
se me desse uma chance de entrar em sua vida por ela.

Eu sinto meu coração
transbordando de paixão
como um dilúvio após uma brusca chuva
inundando tudo ao som de uma música.

A música me faz companhia
enquanto vou voando com alegria
para concretizar meu amor
acostumado a se esconder numa discreta dor.

Eu sinto meu coração transbordar
de tanto querer, com essas asas, te visitar.
Já bastaria poder a verdade dizer
e incondicionalmente não mais me esconder.

Da sua janela, faço uma rápida visita
sobretudo harmoniosa, respeitosa e amiga
para que como numa cantiga prevaleceria o respeito,
embora esse meu platônico dilúvio sentimento.

O Rio fluiria sem acumular água e inundar.
O sentimento fluiria sem forçar nem pressionar
porque sei que não é a única possibilidade
ja que devo aceitar, acima de tudo, a sua liberdade.

Por isso, eu confesso que só a nossa amizade fluindo
consigo me perceber sorrindo
porque sinto saudade daquele tempo
que conversávamos toda semana sobre nossos segredos.

Seus olhos verdes inundavam
Meu coração e alma que se tornavam
um dilúvio de amor que até hoje sinto em mim
latente podendo se manifestar quando penso em você assim.


Biografia:
Oi, gente! Sou a Bia. Tenho 22 anos. Moro em São Paulo capital. Estou fazendo faculdade de psicologia. Cada poema é muito especial e único, pois expresso alguma inquietação social ou pessoal. Faço encomendas de poesias. Quem quiser me conhecer, será um prazer. Mande um e-mail que eu respondo. Email para contato: nahasbeatriz@gmail.com Meu blog pessoal de poesias: www.rumoaminhamente.blogspot.com.br Twitter: @Bia__Nahas
Número de vezes que este texto foi lido: 326


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Uma Cartinha a Você Bia Nahas
Poesias A Fada e o Gnomo Bia Nahas
Poesias Sinal de Vida Bia Nahas
Poesias Dois Ambulantes Bia Nahas
Poesias Desejo a nós Bia Nahas
Poesias Uma Cama Gritou (+18) Bia Nahas
Poesias Era Fácil Bia Nahas
Poesias Fecho os Olhos Bia Nahas
Poesias Um Calor Bia Nahas
Poesias Faz Falta Bia Nahas

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 324.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66111 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55104 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43684 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43299 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 42569 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40828 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 39612 Visitas
Amores! - 38104 Visitas
Desabafo - 37359 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 35893 Visitas

Páginas: Próxima Última