Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Era uma vez….
BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Era uma vez….
Era uma vez um Policial, #Paulo#, homem dedicado, competente com o que mais gostava de fazer. Fazer Polícia...sempre cumpridor de seu dever e sempre presente no horário, honrava seu trabalho, chegava sempre na hora para render o companheiro de plantão. Trabalhava de sol a sol. Não havia chuva ou tempo ruim que o pudesse abater ou fazê-lo desistir de qualquer missão, estava ali sempre alegre , sempre pronto; de prontidão no dia a dia. Companheirismo era sua marca e satisfação em tudo aquilo que fazia. Viveu, trabalhou em vários lugares…combateu, andou por todas as cercanias deste Estado…. e por todas que andou fez amizades. Conheceu o lado bom e o lado ruim da profissão... passou situações ingratas…,comeu do pão que o diabo amassou...uma grande história para contar...mas um dia, esse bravo guerreiro, infelizmente numa de suas andanças da vida arriscada, uma bala foi traçada em seu caminho, para sempre sua vida marcou. Hospitalizado lutou contra tudo que podia lutar, naquela asséptica cama, estático…lutando a cada dia contra a morte. Mas o que ele não queria e nem poderia imaginar, que a partir dali sua vida mudaria para sempre a sua rotina, tomaria outros rumos infelizmente, ....a tetraplegia se instalou…...o colocando para sempre em um estado quase que vegetativo...para tudo dependia de sua família, a primeira a estar ali, a seu lado...a toda hora para lhe ajudar...seria suas mãos, seus pés para deambular, a mais importante a partir dali...por ironia do destino....os amigos de copo nunca mais….o veriam


Biografia:
"As obras do artista só têm valor, quando consegue atingir a sensibilidade daqueles que entendem"
Número de vezes que este texto foi lido: 122


Outros títulos do mesmo autor

Poesias RUA INCLUSÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias O PEQUENO EMANOEL BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias PROCLAMAÇÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias Narrativas da vida real BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel O DEDO MILAGROSO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias FINADOS BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias DOIS CORPOS BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias MAR DE FÉ II BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias MAR DE FÉ BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias O LIVRO DA VIDA BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 125.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 58624 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53255 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 42413 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39451 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 36071 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 35474 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 34307 Visitas
Amores! - 33774 Visitas
Desabafo - 33385 Visitas
Faça alguém feliz - 32000 Visitas

Páginas: Próxima Última