Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O SNIPER
BENEDITO JOSÉ CARDOSO



Daria sem dúvida nenhuma uma bela história policial, cheia de ações e um grande enredo de dar inveja a grandes cineastas. “Galo Branco”, por que não? O texto do filme!… a viagem corria tranquila, normalmente, como tantas pela via movimentada da Ponte Rio/Niterói que interliga a cidade de Niterói à cidade do Rio de Janeiro. Na penumbra do ambiente refrigerado, todos ali indefesos, acomodados em suas aconchegantes poltronas, ainda dormiam. Em dado momento, um alucinado, o predador, rendia o motorista do “galo branco” e seus 37 passageiros acuados, ovelhas, entregues à própria sorte. A partir daquele momento viveriam momentos de extremas expectativas, angustias…. Violências, torturas psicológicas,hostilidades praticadas pelo lobo mau ao qual não poderiam de forma alguma subestimar a sua reação. Reféns daquela vítima da sociedade, todos ali estáticos, viam-se por longas horas à repetição do 174, com o clarear do dia, naquele belo nascer do sol, na manhã de terça-feira, 20 de agosto de 2019, por longas horas de uma viagem interrompida. Lá fora as grandes mídias televisivas e todo um aparato policial que se formou naquele cenário espetacular ao ar livre à espera do momento certo para a cena final… Sobre a colina, à vista de uma grande platéia de expectadores, postado estava o grande cão pastor, o sniper, protetor das ovelhas, esperando cautelosamente, observando pacientemente na mira de seu eficiente e reluzente fuzil, alça e massa, na visada perfeita, o primeiro deslize daquele insano, para o ataque consciente e voraz, o desfecho final.


Biografia:
"As obras do artista só têm valor, quando consegue atingir a sensibilidade daqueles que entendem"
Número de vezes que este texto foi lido: 387


Outros títulos do mesmo autor

Poesias RUA INCLUSÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias O PEQUENO EMANOEL BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias PROCLAMAÇÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias Narrativas da vida real BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel O DEDO MILAGROSO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias FINADOS BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias DOIS CORPOS BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias MAR DE FÉ II BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias MAR DE FÉ BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias O LIVRO DA VIDA BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 125.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 62697 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53952 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 42914 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 40100 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39980 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 37847 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 37027 Visitas
Amores! - 35073 Visitas
Desabafo - 34612 Visitas
Faça alguém feliz - 33017 Visitas

Páginas: Próxima Última