Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
As dores do Mundo
A Alma Suja da Corrupção
Suelen Queiroz

Resumo:
Dedicado ao Reitor da Universidade Federal do Paraná: Ricardo Marcelo Fonseca

A alma suja da corrupção


Vampiros da sociedade causam pobreza Nas obras do mundo, simulam justiça.
Amam somente os mandos da riqueza
Fraudulentos gestos que sempre atiça. Leis em favor do ouro se estabelecem, As em favor do povo só perecem.

A corrupção veste uma insana fantasia.
Em todos os lugares, está presente.
Administra prazeres com força e valentia.
Em nenhum lugar, deseja estar ausente.

Homens, mulheres, líderes e subordinados; Ofertam ao rei ímpio tesouros corroídos Nos tristes caminhos do engano trilhados.


A espada do espírito imaculado é inimiga. A voz do oprimido, sua desgraça.
A corrupção fere a verdade, ao justo castiga. Enfraquece nações, não há quem desfaça.

Embriaga corpos e ilude almas mergulha em um drama sombrio.
Oh, corrupção, metamorfose perigosa:








50

deputados em covardes, astutos em tolos.

É evidente que gangrena a Presidência. Prospera nas Comissões
e mesmo na Assembleia, com promoção. Desperta paixões desenfreadas
nas cores da bandeira da nação.

Tenho dor no meu corpo e na minha alma. Por todo o meu ser, a justiça clama. Corrupção, vampira da minha sociedade; seduz as mentes em um estado de enfermidade.

Ela se familiarizou com a Justiça;
e lucra, em abundância, onde semeia iniquidade.
Não há mais promotores, nenhum magistrado, juiz, instrutor ou advogado,
para dizer o que é direito e novamente fazê-lo; em esterilidade de dádivas, preferem falsifica-lo.

A corrupção veste a Justiça com ouro e prata. A corrupção interrompe o equilíbrio, certidão de virtude aristocrata.
Elação do injusto e lasso do oprimido.

Ela brilha em seu corpo e alma e mergulha em um drama banal.

Isso distorce o campo da saúde,
os métodos pet-scan morrem antes da doença infernal,
onde a noção de qualidade é a quantidade sem virtude.
O juramento de Hipócrates vazio. e a saúde do paciente formalidade.


Biografia:
Sem muitas palavras
Número de vezes que este texto foi lido: 28505


Outros títulos do mesmo autor

Poesias As dores do Mundo Suelen Queiroz
Poesias As dores do Mundo Suelen Queiroz


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 48566 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39013 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 33029 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 32031 Visitas
Amores! - 31992 Visitas
Desabafo - 31619 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 31400 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 30770 Visitas
Faça alguém feliz - 30751 Visitas
Vivo com.. - 30400 Visitas

Páginas: Próxima Última