Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
ANFÍBIOS
manoel serrão da silveira lacerda

Lá 'stão nas intolerâncias das tolerâncias que me condenam;
Lá 'stão nas finitudes dos meus infinitos que se dês-combinam;
Lá 'stão nas entrelinhas, sem começos, meios, e, nem fins;
Lá 'stão nos meus estados que se repetem: o retorno sem cessar.

Oh! O utente, Homem da rua perdido...
Eu hoje sou o Nada. Nada sou, nada sou!
Nem mesmo a vergonha mais vil do homem.
Nem mesmo quando sou "Sol" – apenas Um -: sou [O] Tudo;
Nem mesmo quando sou "Pó" – apenas Todo -: sou Um.

E, eis-me, que nessa odisseia sem igual do Não-ser.
Quando diante da Vida e da Morte, for vã toda a paisagem estendida...
Ora quão restolho pelo vento arrastado;
Ora quão insecto pelo tempo devorado.
E quando o Nada estiver acima de tudo,
Inda que arda-me a força feroz do punho.
E soluços revirarem-me à dor na garganta,
E tudo for apenas o quê do Mundo restou?

Lá fora 'starão o entardecer da vida por Sorte sorrindo-me,
Ou o choro gemido dentro da Morte, nada temer, além de mim...
Nem dos homens, nem dos deuses, nem da terra frouxa à espreita por Nós!



Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 27863


Outros títulos do mesmo autor

Poesias LOBSHOMEM manoel serrão da silveira lacerda
Poesias NEURA TRIBAL manoel serrão da silveira lacerda
Poesias ÁLIBIS manoel serrão da silveira lacerda
Poesias APRENDIZ manoel serrão da silveira lacerda
Poesias PÓSTUMO manoel serrão da silveira lacerda
Poesias AUSCHWITZ manoel serrão da silveira lacerda
Poesias O BELISCÃO manoel serrão da silveira lacerda
Poesias A TRINDADE manoel serrão da silveira lacerda
Poesias ANFÍBIOS manoel serrão da silveira lacerda
Poesias ALMA QUÂNTICA manoel serrão da silveira lacerda

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 64.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 30168 Visitas
Amores! - 28300 Visitas
Desabafo - 28253 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 28178 Visitas
PSICOLOGIA E DIREITO - Francisco carlos de aguiar neto 28127 Visitas
Faça alguém feliz - 28118 Visitas
aliens - alfredo jose dias 28053 Visitas
Vivo com.. - 28047 Visitas
christine - alfredo jose dias 28023 Visitas
Vocabulario nipo-brasileiro (UDONGE) - udonge 28018 Visitas

Páginas: Próxima Última