Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Ela
Mateus Duarte

Resumo:
Sobre à vida.

Foi difícil encontrar dentro de mim um pingo de amor próprio. Foi muito difícil. Mas, quando me vi me doando cada vez mais pra uma pessoa que não se doava tanto, me tirou pedaços. Cada ação que me magoou e eu fingi que nada aconteceu, fez com que eu me despedaçasse. Foram tantos pedaços, que não sei se algum dia vou poder me remontar. Quando eu finalmente, inconscientemente, resolvi dar um basta, eu não imagina que isso poderia ser chamado de amor próprio. Eu juro que cada átomo do meu corpo amou aquela mulher, disso eu não tenho dúvidas. Mas, assim como cada átomo meu à amou, cada átomo meu sofreu. Quando eu percebi o quanto ela estava me fazendo mal, quando decidi pôr um fim no que eu acreditei ser o amor da minha vida, me doeu muito. Eu tentei fazê-la ficar, mas, no final, eu que resolvi deixá-la ir. Hoje, depois de algum tempo, escolhendo minha saúde mental ao invés de um amor, eu entendi o significado de amor próprio. Mas, ter amor próprio e desistir de alguém que ama não é fácil. Porque, quando você olha ao redor e vê pessoas sendo felizes com outras pessoas, isso dói. Dói muito. Porque você começa a pensar e começa a se culpar. Começa a pensar que foi sua culpa você não ter aquilo. Eu sei que a culpa não foi minha. A culpa não foi de nenhum de nós dois. Talvez, só não éramos os certos naquele momento um pro outro. Mas, hoje, depois de provar tanto amor próprio, eu descobri algo. Se ela quisesse, eu não me importaria de dar errado com ela mais uma vez.


Biografia:
Apenas um garoto perdido que transforma solidão em escrita.
Número de vezes que este texto foi lido: 27332


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Ela Mateus Duarte


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 30863 Visitas
Amores! - 28231 Visitas
Desabafo - 28087 Visitas
Vivo com.. - 27768 Visitas
Sonho de afeto - Dilcimar Ribeiro Fonsêca 27729 Visitas
Faça alguém feliz - 27709 Visitas
MENINA - 27687 Visitas
viramundo vai a frança - 27666 Visitas
camaro amarelo - 27665 Visitas
sei quem sou? - 27653 Visitas

Páginas: Próxima Última