Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O soldado
suzana zandamela



Muito cedo tive fascínio pela farda dos soldados, quando era mais novo ía sempre a rua do quartel ver eles marcharem, a sincronia entre eles me dava mais vontade de fazer aquilo. Com 18anos me alistei e fui chamado, porque fazia por amor o tempo do treino passou muito rápido, de volta ao quartel a monótonia tomou conta. Mesma rotina, dias praticamente iguais passavam de forma lenta. Até que fui chamado a sala do general para ser informado que sou um dos escolhidos para combater em um país irmão que estava em guerra, a excitação foi maior, não dormi nas noites seguintes, ate o dia de partir. Quando chegamos a destruição , o sofrimento daquelas pessoas quase me fez recuar, mas o emblema que carrego no peito e o juramento não me permitiram , foram vários dias de batalha, inimigos mortos e amigos mortos, o sono se tornou um artigo de luxo,   sempre que fechava os olhos as imagens da destruição me seguiam, sábia que não podia deixar o mundo dos sonhos me vecer, por isso tinha que ficar sempre acordado. Fomos informados que um batalhão vinha nos resgatar, festejamos de todo o coração porque voltariamos para casa, fomos recebidos pelas altas patentes, no seu discurso o general disse algo que guardarei para sempre"Meus filhos bem vindos a casa, voces são herois.   Pode não parecer mas são como filhos para mim, imaginam a dor de um pai que mandou 35 filhos para uma missão e só retornaram 7?? Saber que cruzaram com a morte vezes sem conta e não desistiram??? Palavras me faltam para expressar meu orgulho de vocês", foi visível a cara de desprezo feita pelos familiares que perdem os seus filhos .Ele continuo " Percebo a vossa dor, não estava lá com eles + sempre recebo as notícias quando um soldado é morto. Voces aguentariam saber que enviaram 10.000 homens para varios cantos do mundo e só regressaram 500. Quando um soldado é morto recebo sua ficha e sua foto, vocês imaginam quantas fichas de solados mortos já li??? 20.000 ou mais, e não é possivel esquecer, lembro de cada rosto todos os dias da minha vida , mais o amor pelo exercito me faz continuar. A paz que vocês disfrutam meus irmãos é um artigo de luxo que não conheço desde que fiz meu juramento, cada homem que morre leva um pedaço da minha alma. Não estou no fogo cruzado com eles mas carrego cada morte nas costas. Por isso filhos,   não vos peço que esqueçam o que viram no campo de batalha, mas sim vivam com isso de forma saudavel ou na medida do possível" sinos soaram abertei a boina na mão... Disse para mim mesmo, que seguria em frente. Sei que não vou esquecer tudo que ví lá , mas saber que ajudei a levar a paz para aquele país me trouxe um alívio e é o que vai me ajudar a voltar a dormir.

Dedico este texto a todos os soldados mortos ou que carregam traumas físicos e psicológicos da guerra,


Suzana Zandamela


Biografia:
-
Número de vezes que este texto foi lido: 111


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas *Amor de poste* suzana zandamela
Crônicas O soldado suzana zandamela
Crônicas O imigrante suzana zandamela
Crônicas A lenda do zorro suzana zandamela
Crônicas *O taxista* suzana zandamela
Crônicas O príncipe ganhou coragem suzana zandamela
Crônicas Os Caminhos da Vida suzana zandamela
Crônicas O fracasso das três gerações suzana zandamela
Crônicas O imigrante suzana zandamela
Crônicas O diabo não tem cara… suzana zandamela

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 50.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 185345 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 163197 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 162072 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 130481 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 117609 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 79794 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 69670 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 64481 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 60064 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 55559 Visitas

Páginas: Próxima Última