Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
versando a morte
jbcampos

versando a morte

há muito tempo
numa noite fria,
falava com ela,
com a morte,
foi logo ali
quando
nasci.
esse se nos parece
ser realmente à nossa
mente tema muito forte.
diante dela nada vai mudar
a sorte, pois, parece ser igual
a todos os mortais, porém, vem
uma reflexão nos nortear o norte.
leitor, pelo amor faça-me um favor,
aliás, vamos pensar em dois: sofrimento,
dor, prazer, afinal qual será o sentimento
que vai   acontecer   em   seu exato   momento?
Ora, ora, ora se você viver apenas duas horas
com certeza viverá mais que a morte a qual
durará alguns segundos, o que é pior ainda
você fica na berlinda ao saber que morre
a cada segundo, vida e morte se fundem.
pois, devia ter se acostumado posto que
a todo segundo você morre, já está selado!
desde de que nasceu tanto você como eu
pela vida fomos interpelados sobre aquele
que morreu o qual também sem pensar no
além envelheceu, ou seja a cada instante
fica-se mais longe da vida a morrer a cada
segundo. isso tudo é arte da vida, da qual
a morte faz parte, aliás, morte é um verbe-
te inventado pelo mortal, que não enxerga
em todo o instante essa morte constante.
para ficar bem sacramentando e ratificado:
então; você deveria já estar acostumado
a conviver com ela ao seu lado, olhe um
pouco ao passado, e olhe aos seus pés
de galinha, se já os tiver. hei… não fuja
da linha ou se for galo não fuja da rinha,
e se for galinha, me perdoe amiga minha.
então fique feliz porque você dorme e an-
da com a morte que no fundo é vida as-
sistida por Deus, em seu
glorioso eterno apogeu.
aprendeu?

ou quer mais?

Não tema a morte, ela vive intrinsecamente em você.

jbcampos


Biografia:
Aposentado
Número de vezes que este texto foi lido: 257


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Viver é arte jbcampos
Poesias Gostaria jbcampos
Poesias A força que move o poeta jbcampos
Poesias O Redentor chorou jbcampos
Poesias O pintor de paredes jbcampos
Poesias Um violino por acaso jbcampos
Poesias versando a morte jbcampos
Poesias trouxa da bola jbcampos
Poesias gosto jbcampos
Poesias anacoreta jbcampos

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 834.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
A Dama e o Valete - Talita Vasconcelos 185730 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 164433 Visitas
Era uma casa grande - helena Maria Rabello Lyra 163998 Visitas
E assim foi a nossa história... - Nandoww 130845 Visitas
ENTENDA DE UMA VEZ POR TODAS O HINO NACIONAL - Fabbio Cortez 117955 Visitas
Transgressão do Dever - helena Maria Rabello Lyra 81170 Visitas
Esse mês de Julho... - Nandoww 70007 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 65269 Visitas
Fazendo amor - Milena Marques 60574 Visitas
Há uma urgência do amor.. - Sabrina Dos Santos 55945 Visitas

Páginas: Próxima Última