Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Meus demônios acordaram
Layane Soares

Vejo o seu nome em todos os lugares
de uma hora pra outra todo mundo tem o mesmo nome que você
Toca as nossas musicas o tempo todo.
O tempo passa e até o relógio me lembra teu jeito.
Só faz aumentar a agonia no peito
o nó na garganta.
A vontade de gritar
pra todo mundo que eu to morrendo.
Eu to morrendo por uma coisa que eu mesma inventei
e agora não consigo sair daqui.

Tem alguém ai?
O que eu faço?
Espero?
Corro?
Alguém consegue me ouvir?

Acho que é fundo do poço.
De novo.

De tanto gritar

Meus demônios acordaram.


Biografia:

Este texto é administrado por: layane soares
Número de vezes que este texto foi lido: 231


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Sem - ti - mental layane soares
Poesias Meus demônios acordaram Layane Soares


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66671 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55316 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43811 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 43565 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43443 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40994 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 40923 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 40225 Visitas
TOMO TUDO - sigmar montemor 39386 Visitas
Lamento - FERNANDO 39268 Visitas

Páginas: Próxima Última