Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Entre sonhos e canções
Carlos Correa

Existe uma linha imaginária
Ela permanece ali sozinha
De longe nos observa triste
Tem vontade de gritar acenar
Mas não pode...

Do lado onde estamos sequer imaginamos
Que logo ali invisível ela cabisbaixa
Possa estar ainda acreditando
Que chegará o instante quando será tocada

Passarão séculos e vidas
Milênios e sofreguidão
E ainda assim aquela linha
Se mantém branca e reta

Do outro lado da espera
Luas e flores de diferentes sabores
A luz do sol pronta a nos envolver
A poesia que um dia disseram que existia

E enfim amanhece diz o vento às ondas do mar
O orvalho que chora ao som da flauta
Derrete-se e acorda os girassóis
A linha treme não sabe o que faz mas sei que sorria

Quando chega o dia
E percebemos que existe algo mais
Que um sentimento diferente de tudo
Vive e ilumina nosso coração
Nesse dia ultrapassamos a linha branca e reta

Dali em diante nasce um novo entendimento
O que doía torna-se aprendizado ainda que continue a doer
O amanhecer torna-se momento único de agradecer
O pescador que não esquece de um peixe sequer

E ali bem próximo a satisfeita linha branca
Olhamos de volta e passamos a ter a certeza
Eu não era apenas um sonhador
Agora eu sei que existe sim o amor

Não aquele sentimento disfarçado e egoísta
Não aquela vida que seguia sem rumo
Não mais se esconder por entre os vãos das estrelas
Mas a esperança de alcançá-las com o próprio merecimento

Que um dia chegue a minha vez
De encontrar a linha que sei que me aguarda
Em algum lugar por entre um sonho e uma canção

Fiquem com Deus

Carlos Correa

Número de vezes que este texto foi lido: 174


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Amanheça! Carlos Correa
Poesias Rota do Sol Carlos Correa
Poesias Harvest Moon Carlos Correa
Poesias Estrelas sob o Seu céu Carlos Correa
Poesias Um Pequeno Pedaço de Vento Carlos Correa

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 21 até 25 de um total de 25.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
AS CLÁUSULAS PÉTREAS: INALTERÁVEIS ou NÃO ? - francisco carlos de aguiar neto 34712 Visitas
Japão - Era Meiji - Agrário Conrado 34157 Visitas
O mundo infantil - helena Maria Rabello Lyra 33860 Visitas
FIO DA ESPADA - Tércio Sthal 33716 Visitas
viramundo vai a frança - 33447 Visitas
Faça alguém feliz - 33398 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 33356 Visitas
camaro amarelo - 33143 Visitas
Origens da Bandeira do Brasil - Marco Antonio Cruz Filho 33049 Visitas
sei quem sou? - 32893 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última