Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
CIÊNCIAS OCULTAS
CIÊNCIAS OCULTAS
Henrique Pompilio de Araujo

Resumo:
Houve antigamente uma ciência a que deram o nome de ciências ocultas. Ali a gente aprendia muita coisa. Hoje esta ciência desapareceu, mas muitos textos passaram para a ciência em geral.

CIÊNCIAS OCULTAS – QUE CIÊNCIA É ESTA?
     Hoje em dia as pessoas sabem muita coisa, mas nem sempre foi assim. Eram poucas as pessoas que tinham acesso ao conhecimento. Isto porque, na verdade, tudo era proibido e as pessoas tinham dificuldade em adquirir obras para seu aperfeiçoamento. Convém lembrar que até mesmo a Bíblia foi proibida ao público por vários anos. Só os altamente iniciados podiam consultá-la.
     O ser humano, entretanto, sempre teve uma sede muito grande de saber mais, cada vez mais, de ter um pouco de conhecimento. Por que a Bíblia era proibida? Que tinha de especial neste livro?
     Por outro lado, havia muita coisa inexplicável e o ser humano queria saber sobre aquilo, por que não poderia ter noção sobre determinadas coisas? Grande parte do conteúdo religioso continua do mesmo jeito. Não há explicação adequada. Por exemplo: quem é que sabe exatamente como começou o mundo? Por que Deus criou o homem? Para onde vai o espírito depois que morre? Tudo acaba com a morte ou há algo depois dela?
     Estudar abertamente estes temas na antiguidade era muito arriscado, muitos poderiam ir parar nas fogueiras que foi o caminho de muitos. Então determinados grupos criaram um estudo escondido e deram o nome de Ocultismo ou ciências ocultas ou Hermetismo. Muitas pessoas criaram boas obras neste setor, alguns com alegorias, fantasias, muita coisa inventada, mas também muita coisa boa.
     Ocultismo é uma categoria de crenças e práticas sobrenaturais que não se enquadra na ciência, nem na religião. Pode ser também associado a ideias sobrenaturais como extra corporais e parapsicologia.
     Algumas destas práticas do ocultismo se tornaram numa ciência como foi o caso da alquimia. Hoje em dia descobriram a química que teve origem naquela anterior.
     No ocultismo ainda existe algumas ciências não admitidas ainda, como é o caso da astrologia. Muitos duvidam da astrologia, mas se estudar bem a prática, percebe-se que muita coisa dá certo e base com os conhecimentos adquiridos. Do mesmo modo temos os leitores de mão e de rosto. Os traços impregnados batem muito bem com a personalidade da pessoa.
     O termo Ocultismo surgiu na França no século XIX com grupos esotéricos franceses conectados a Éliphas Lévi e Papus. Em 1875 a senhora Helena Blavatsky, cofundadora da Sociedade Teosófica adotou o ocultismo.
     Como o homem está sempre em busca de algum conhecimento, isto foi sendo expandido aos poucos. Muita gente tem curiosidade em saber certas coisas do seu passado e também do seu presente. Daí a consulta a alguns ocultistas que nem sempre eram pessoas adequadas e preparadas para dar certas informações. Dentro do ocultismo surgiram algumas práticas bem populares: adivinhação, magia, bruxaria e alquimismo. Alguns dizem Filosofia Secreta destinada a práticas ocultas. Tal Filosofia seria derivada da magia e da alquimia helenística de um lado e do misticismo judeu do outro. A principal fonte vem do Corpus Hermeticum de Hermes Trimegistos que abordam astrologia e ciências ocultas de restauração espiritual.
     Do lado judeu, a principal contribuição foi a cabala, uma interpretação mística da Torá. A união destas influências ficou conhecida como Hermetismo. A alquimia acabou sendo incorporada ao hermetismo dando origem mais tarde ao movimento Rosacruz, uma sociedade que utilizava símbolos alquimistas e ensinava conhecimentos secretos aos seus seguidores.
     Mais tarde estes autores acabaram influenciando de tal modo na sociedade que foi criado o movimento “Iluminismo” e o avanço continuou dando origem mais tarde, novos conhecimentos que acabaram culminando com o aparecimento do Espiritismo e a Teosofia. Muito proveito deu então o cultismo a algumas filosofias e religiões.

OCULTISMO E CIÊNCIA
Muitos fenômenos inexplicáveis de antigamente eram considerados Ocultismo. Não havia uma ciência ainda para explicar os fenômenos. O Magnestimo por exemplo era considerado um fenômeno das ciências ocultas. A própria teoria de Isaac Newton para a gravidade, foi acusada de ocultismo. Enfim, tudo aquilo que a ciência não podia explicar, era chamado de Ocultismo. Este vinha preencher o lado obscuro da ciência. Era aí que as pessoas buscavam respostas para suas perguntas. Antoine Faivre, um estudioso do esoterismo, defendia que em vez de simplesmente aceitar o triunfo da ciência, os ocultistas buscavam soluções alternativas.
Wouter Hanegraaff destaca que o ocultismo se distancia do esoterismo antigo por aceitar a ideia de um mundo desencantado, que privilegia a razão e a ciência. Esta adaptação foi necessária após o Iluminismo que substituiu a visão de um mundo guiado por forças sobrenaturais, abrindo espaço para o existencialismo e as responsabilidades individuais.
Outra característica que afastou o ocultismo do esoterismo foi o distanciamento de práticas cristãs, em alguns casos opondo-se à religião. Ao rejeitar o cristianismo, muitos ocultistas voltaram-se a crenças mais antigas e distantes do que a religião de Cristo. Isto levou o ocultismo a se aproximar do paganismo e de religiões e filosofias asiáticas como o Hinduísmo e o Budismo e muitos se aproximaram destas duas religiões.
Estes ocultistas também deram ênfase à jornada espiritual de cada indivíduo, uma ideia que iria influenciar com bastante força o movimento New Age na metade do século XX. Tal busca foi encorajada pelas ciências ocultas europeias como a Alquimia e rituais de magia e orientais como o Yoga. O ocultismo pode até ter começado em círculos mais fechados, mas abraçou as mais diferentes crenças, filosofias e a busca pela espiritualidade. De horóscopos a yoga, há milênios ele se faz presente na vida de muitos e os ajuda a procurar respostas para seus dilemas mais íntimos do nosso ser.
          Texto Baseado no Blog: Dark Blog



Biografia:
Henrique Pompilio de Araújo, nascido em Campo Mourão PR e radicado em Cuiabá MT. Começou a escrever desde cedo. Professor aposentado, bacharel em Direito e Teologia. Trabalhou em diversas escolas em Cuiabá e alguns jornais do Estado. Publicou sua primeira obra em 1977: Secos & Molhados - Poemas. Ultimamente publicou outros livros: "Flores do Além" Poemas, "Contos da Espiritualidade" - Contos, "Nas curvas da vida" Memórias, "Cinquenta contos" Contos. Há muitas obras ainda esperando edição.
Número de vezes que este texto foi lido: 197


Outros títulos do mesmo autor

Artigos MEDIUNIDADE ONIRICA Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios BRASIL EM CRISE Henrique Pompilio de Araujo
Artigos COMO AFASTAR OS OBSESSORES Henrique Pompilio de Araujo
Artigos PARA ONDE FORAM OS ESPÍRITOS DOS DINOSSAUROS? Henrique Pompilio de Araujo
Artigos QUANTAS VEZES VAMOS REENCARNAR NESSA FAMÍLIA? Henrique Pompilio de Araujo
Artigos MOMENTO DE REENCARNAR Henrique Pompilio de Araujo
Artigos REENCARNAÇÕES SIMULTÂNEAS Henrique Pompilio de Araujo
Artigos OBSESSORES ESPIRITUAIS REBELDES Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios QUE SÃO NOSSOS MENTORES ESPIRITUAIS Henrique Pompilio de Araujo
Ensaios RELACIONAMENTOS NA QUINTA DIMENSÃO Henrique Pompilio de Araujo

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 62.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
Coisas - Rogério Freitas 54603 Visitas
frase 935 - Anderson C. D. de Oliveira 54548 Visitas
1 centavo - Roni Fernandes 54536 Visitas
Ano Novo com energias renovadas - Isnar Amaral 54327 Visitas
NÃO FIQUE - Gabriel Groke 54275 Visitas
Na caminhada do amor e da caridade - Rosângela Barbosa de Souza 54250 Visitas
saudades de chorar - Rônaldy Lemos 54236 Visitas
PARA ONDE FORAM OS ESPÍRITOS DOS DINOSSAUROS? - Henrique Pompilio de Araujo 54166 Visitas
Jazz (ou Música e Tomates) - Sérgio Vale 54014 Visitas
Depressivo - PauloRockCesar 53998 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última