Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O desastre
Lucas Cabral Dos santos

Sinto cada vez que passo por uma situação desfavorável, uma imensa vontade de exilar-Me. Fico sem motivos ou qualquer prazer em ver alegria nas coisas mais simples , triste demais para pensar em viver , gozar dos mais belos presentes que a vida pode me proporcionar . Vejo somente dias cinzas e opacos ao meu redor , sinalando com uma onda devastadora de penúria e solidão. Quero somente esfumacar-me para não verem meu sofrimento . Faço e refaço jeitos e formas para que todos que amo , se afastarem de mim de alguma forma . Não desejo demonstrar meu interior a ninguém, Muito menos ,os devaneios ao que me submeto mentalmente ao qual se encontra rotineiramente meu estado de espírito. É sim , muito ruim viver dessa forma , pois tenho muita vontade e desejo de poder reverter isso , e logo após me veem todo esse desastre e me joga ao relento emocional . Fico perdido e sem noção ao qual fraco estou , em deixar destruir-me cada dia que passa . Estou hoje , a ponto de terminar a minha maior história de amor , meu melhor desafio e conquista . A vida está simplesmente terminando pouco a pouco pra mim . Sinto que os dias estão se esgotando , não estou sabendo lidar com diversas situações e procuro sempre, acabar logo com tudo e terminar de vez toda essa angústia. Hoje é nesse mesmo instante , estou vendo bem próximo o meu fim . Tinha tanto pra desfrutar dessa vida , de ver meus mais belos sonhos crescerem e desabrocharem para vida . É ruim, definitivamente ruim , ver e viver tal situação, E não saber onde encontrar forças para sair disso . Queria dizer e finalizar essas palavras agradecendo somente a todos ,Que um dia se esforçaram e deram o seu melhor para que eu pudesse sair dessa situação. Saibam que estive tentando insistentemente para me desprender dessa aflição. Você meu maior e único amor , saiba que tudo que fiz , foi um erro e não mereço perdão por isso . A vida está ensinando como se deve ter tão pouco, para ter plenitude em nossa união e isso , você me mostrou muito bem . Obrigado por todo o tempo , que teve ao meu lado , se doando e vivendo comigo momentos inesquecíveis e deliciosos . Te amei ontem , Te amo hoje , E te amarei na eternidade . Meus filhos , desculpem -me por toda falta de amor , por todo desprezo e desatenção que não dei a vocês , não mereci ter filhos tão especiais . Fui abençoado ao ter uma família um dia e não ter tido a oportunidade de agraciar como devia . Aproveitem o que puderem , porque a vida é passageira e a qualquer momento estaremos prestes a partir.

Número de vezes que este texto foi lido: 28906


Outros títulos do mesmo autor

Sonetos O desastre Lucas Cabral Dos santos


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
haicai - rodrigo ribeiro 30940 Visitas
Vivo com.. - 30935 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 30591 Visitas
eu sei quem sou - 30477 Visitas
camaro amarelo - 30433 Visitas
sei quem sou? - 30422 Visitas
PSICOLOGIA E DIREITO - Francisco carlos de aguiar neto 30422 Visitas
viramundo vai a frança - 30412 Visitas
MENINA - 30375 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 30358 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última