Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A semente e a espera
Thiago Vieira Veiga

Há um pote, onde imersa
Semente afoga erma
A sorte, a lágrima,
Na conserva aspera
                      Da fera
Que baba dispersa
A espera


Neste pote,
Florescente e mágico,
Não medra
Com sentido
                      Tatico,
Mas sim pela a palma
Distraida;
                     
       
                        Mão
Desmebrada da alma
Da fera,
Que deixa curtido
O broto na baba
Que empedra


Biografia:
Germinando , mas lutando pra Ser. Cultivador da poética do não dito. "Quero louvar o vivente Que aspira à morte no fogo"

Este texto é administrado por: SOULTH98
Número de vezes que este texto foi lido: 28789


Outros títulos do mesmo autor

Poesias A semente e a espera Thiago Vieira Veiga
Poesias Nascente Thiago Vieira Veiga
Poesias Aos passo do adeus Thiago Vieira Veiga
Poesias A FEBRE Thiago Vieira Veiga
Poesias Barrocada do Negreiro . Thiago Vieira Veiga
Poesias Pandolo Esturporado Thiago Vieira Veiga


Publicações de número 1 até 6 de um total de 6.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 34544 Visitas
eu sei quem sou - 33419 Visitas
camaro amarelo - 33369 Visitas
sei quem sou? - 33233 Visitas
MENINA - 33186 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 33181 Visitas
A menina e o desenho - 33101 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 33084 Visitas
viramundo vai a frança - 33039 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32943 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última