Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O amanhã sem cor
Cibele Andreus

Não há nada mais fugaz do que um coração partido e não há nada mais desesperador do que olhar para o futuro e ver um túnel vazio. Eu ainda ouço as batidas do meu coração em meio ao silêncio triste de uma solidão vazia. As pessoas estão ao meu lado, mas eu não sinto nada, conversam comigo, mas tudo parece tão banal e sem cor, que nem ao menos sinto vontade de responder. Ainda procuro alguém que me preencha e que afaste essa tristeza sem rumo, que assola a minha alma e me deixa em tão submersa desilusão.

cibele.pr@hotmail.com


Biografia:
Cibele Andreus
Número de vezes que este texto foi lido: 28484


Outros títulos do mesmo autor

Poesias O amanhã sem cor Cibele Andreus
Poesias O medo do não ser Cibele Andreus


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
Céu celeste - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 2 Visitas
A IMPORTÂNCIA DE OPORTUNIZAR O DIÁLOGO NA INFÂNCIA - GISELE APARECIDA MARTENINGHI 2 Visitas
A PRINCESA ENCANTADA NO LAGO DOS CISNES - Saulo Piva Romero 1 Visitas

Páginas: Primeira Anterior