Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A FALA POLITICA
BENEDITO JOSÉ CARDOSO


A fala política
É uma desgraça
Não há quem faça
A máxima cessar
São corpos em ebulição
Opostos que não se atraem
Diante à opinião

Quem diria
José
Quem diria
João
A vizinha Maria
O vizinho Tião

Parecem dois polos:
Positivos
Negativos
Inimigos
Em alta-tensão

Se um discorda
O outro estica a corda
Não quer perder a razão

Um verdadeiro cardápio
De palavras em dicionários
Em meio a tanta discussão
Que no final não dá em nada
Não se chega a ponto nenhum
A nenhuma conclusão


Biografia:
"As obras do artista só têm valor, quando consegue atingir a sensibilidade daqueles que entendem"
Número de vezes que este texto foi lido: 53219


Outros títulos do mesmo autor

Poesias HUMILDADE BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel SOB O TETO DA VERGONHA NACIONAL BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias DEPRESSÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel A CULPA É DO METANO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel A TELA DA DOR BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Poesias Belém do Grão Pará BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel “SANTO LICOR” BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Crônicas “Um cenário de barbárie” BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel A ULTIMA LIGAÇÃO BENEDITO JOSÉ CARDOSO
Cordel “POBRE WALDEMAR” BENEDITO JOSÉ CARDOSO

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 161 até 170 de um total de 170.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
🔵 Está todo mundo preso - Rafael da Silva Claro 30 Visitas
🔴 Arquivos X - Rafael da Silva Claro 25 Visitas
Vem aí o novo Ubuntu 24.04 LTS - Vander Roberto 23 Visitas
O caso Jia Tan (Backdoor) - Vander Roberto 3 Visitas

Páginas: Primeira Anterior