Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Um conto instrumental
valmir viana

Resumo:
A música é sempre bela, quando a ouvimos com harmonia.

Como toda história a começo e fim, contarei a história de um dos melhores amigos do homem o violão, instrumento que tem vida própria nasceu quase que exatamente na Espanha fez inspiração em Portugal e deu o luxo de ser o melhor amigo do homem aqui no Brasil.

               Eram MEIA NOITE A CIDADE DORMIA SEU SONO INSPIRADOR NA LUA ONDE ESTRELAS MUDAVAM DE POSIÇÕES DIVERSAS.
A O LADO DA CAMA QUIETO NOSSO AMIGO DESCANSAVA DE UM DIA DE JORNADA TINHA ESCUTADO OS MAIS BELOS SONS, E TODOS QUE OUVIRAM SUA HARMONIA SE EMBELEZARAM ATÉ MESMO OS QUE LÁ DISTANTE VIVIAM, ENCANTADOS FICARAM POIS UMA BRISA LIGEIRA HAVIA TRANSPORTADO RITMOS INIGUALÁVEIS. F AZEM PARTE DE VIDAS PERGUNTAS CERTAS COMO UM GRANDE AMIGO PODE FAZER TANTAS MARAVILHAS EM MEIO A RUÍDOS.
O AMIGO LEVANTOU-SE CEDO ESTICOU UM POUCO AS CORDAS VOCAIS E AO PRIMEIRO ACORDE SORRIO O MAIS DOS BELOS SORRISOS DESLIZOU EM SEU BRAÇO TEMPO CERTO, ABRINDO SUA BOCA SOPRA O FÔLEGO DA VIDA, FOI ESTALADA UM POUCO SUA MÃO, TODO O SEU CORPO PERFEITO EM HARMONIA FELIZ DEIXOU-SE VIBRAR.
V ESTIU SUA ROUPA QUE SEMPRE COSTUMAVA USAR AO SAIR, ANDANDO OU SENDO CARREGADO PÔR SUA COMPANHIA MAIOR A MÚSICA, FEZ SENHOR EM UM LUGAR TÃO PEQUENO NESTE DIA MAIS TÃO GLORIOSO, AS PESSOAS QUE OUVIRAM FICARAMENCANTADAS DESPERTO DA RAZÃO DO RITMO DA VIDA.
C ARACTERÍSTICA NÃO FALTOU AO DESCOBRIR QUE O AMIGO TINHA UM PASSADO PRESENTE E UM FUTURO. ABRINDO UM LIVRO DE HISTÓRIA VIRAM SEUS APOGEUS. SINCERAMENTE FALANDO OPINIÕES FORAM FEITAS DOS MAIS DISTANTES LUGARES.
                 A CIDADE A NOITE DORMIA JÁ AO SEU SOM, CIDADE PEQUENA DE UM INTERIOR PACATA E CHEIA DE DIVERSÃO NATURALMENTE FELIZ POIS NELA, JÁ MORAVA MAIOR ESTRELA O AMIGO VIOLÃO. HISTÓRIA COMO ESTA SÃO VIVAS ENTRE SERES QUE PENSAM.
A PLAUSOS AO MESTRE BEM QUISTO NOVIDADES JAMAIS A DE FALTAR NO REINO DESTE LUGAR, CORAGEM E ENTUSIASMO ESPALHOU-SE, ASSIM TODOS CONTENTES REVERENCIAVAM O SENHOR DOS SONS, E UM POUCO QUIETOS AGRADECIA AOS MELHORES MOMENTOS DE SUAS VIDAS.
E RA NOITE NA CIDADE NOSSO AMIGO RECOLHEU-SE EM SEU QUARTO A MÚSICA AO SEU LADO SERENAVAM OS ROÍDOS.
S ILÊNCIO O VIOLÃO ESTAR A SE TRANSPORTAR NO INVISÍVEL AOS OUVIDOS DO EQÜINO, POIS SEU FORTE É SEMPRE LEMBRAR QUE O MOVIMENTO MELHOR PARA A TERRA É MATERIALIZAR.


Este texto é administrado por: Valmir Jose Nunes Viana
Número de vezes que este texto foi lido: 54749


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Opinião valmir viana
Poesias Árvore valmir viana
Poesias Canção valmir viana

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 21 até 23 de um total de 23.


escrita@komedi.com.br © 2024
 
  Textos mais lidos
O fim dentro do fim - Gabriel Brandini 54696 Visitas
Oração da Sensatez - Ronan Afonso Marques 54696 Visitas
Paraíso subterrâneo - Marivaldo Pereira Souza 54696 Visitas
Hundred Dollar Bill (Nota de cem dólares) - Marcelo Penha 54696 Visitas
CAGANEIRA À MINEIRA - Rógeres de Jesus Maia Gusmão 54696 Visitas
Gosto de viver - Maria Luz 54696 Visitas
Lá vai um homem - Marivaldo Pereira souza 54696 Visitas
olhares sobre o tempo - Cristiane Barbosa de Andrade 54696 Visitas
TUDO O QUE VIVI - orivaldo grandizoli 54696 Visitas
Deveres. E direitos? - Clewilson Granja de Oliveira Filho 54696 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última