Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O Clarividente
Rafael da Silva Claro



É fácil fazer a previsão de qualquer ano. Basta dizer coisas genéricas, que acontecem todos os anos ou apenas prever, porque ninguém confere depois.

Esse ano o mundo acabará, para não perder o costume. Não posso precisar que dia, pois a Wikipédia sonega esta informação. Um cantor famoso vai morrer, um apresentador também. Essas elucubrações são muito vagas: o cantor e o apresentador são certezas, todos os anos perecem ambos. Valem aqueles que fizeram sucesso apenas nos anos 60. E se o mundo não acabar, é só atribuir a maldição a alguma civilização perdida. Não falha, quem vive de previsão afeta ares místicos, faz um olhar de quem vê o seu futuro - que pessoas comuns não conseguem antever - e, depois, fogem para Miami ou Acapulco.

No Viaduto do Chá, sempre havia inúmeros “videntes”, camuflados em sombrinhas (fingindo alguma discrição), com baralhos ciganos e peneiras com búzios. Começaram a surgir barraquinhas, que nem outros clarividentes conseguiam adivinhar o que acontecia lá dentro. A grande promessa são os números premiados da Mega Sena. O que dissuade muitos de pararem para uma consulta da sorte é: se alguma dessas figuras sabe os números da sorte, ela estaria em algum paraíso tropical, não no Viaduto do Chá, de sol a sol esperando alguém que dê algumas moedas achando que vai pegar o atalho da vida,

Nos postes, apareceram propostas milagrosas: “Trago a pessoa amada em três dias”. Nesse delivery do amor, a grande dúvida é: se a vítima é capturada e entregue amarrada ou enfeitiçada? Outra indagação é: se a pessoa em questão chega amando ou cheia de rancor e ódio por ser conduzida contra seu livre-arbítrio?

Outro chamariz, que vende jornal, prometendo avisar agora o que irá acontecer no futuro, é a página de horóscopo. Isso pode ser escrito pelo estagiário e geralmente é. O horóscopo de jornal é uma coisa genérica que é dirigida a milhares de pessoas. Mas é legal ver, na hora do café, quando você está topando ler até o obituário.

Previsões, 2020 ensinou que até os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão podem ser adiados.


Biografia:
Ensino secundário completo. Trabalhei em várias empresas, fora da literatura. Tenho um blog, onde publico meus textos: “Gazeta Explosiva” Blogger
Número de vezes que este texto foi lido: 114


Outros títulos do mesmo autor

Crônicas É só dobrar o pescoço Rafael da Silva Claro
Releases Brasil Paralelo Rafael da Silva Claro
Crônicas A bela e a fera Rafael da Silva Claro
Crônicas A placa avisou Rafael da Silva Claro
Crônicas Até tu! Rafael da Silva Claro
Crônicas Fogo no Parquinho Rafael da Silva Claro
Crônicas O Último Carnaval Rafael da Silva Claro
Ensaios Sai, coisa Rafael da Silva Claro
Ensaios Leite condensado de direita Rafael da Silva Claro
Crônicas Crônica de Gelo e Fogo * Rafael da Silva Claro

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 96.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
viramundo vai a frança - 76106 Visitas
Sem - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 62050 Visitas
NÃO ERA NADA - Alexsandre Soares de Lima 50298 Visitas
O Trenzinho - Carlos Vagner de Camargo 50062 Visitas
Os Morcegos - Nato Matos 49619 Visitas
Pensamento 21 - Luca Schneersohn 49285 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 48997 Visitas
MILA, A MENINA QUE MORAVA DENTRO DE UM COGUMELO - Saulo Piva Romero 48819 Visitas
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 48795 Visitas
Um dia - Luca Schneersohn 48242 Visitas

Páginas: Próxima Última