Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Quem nos vê?
Vulnerabilidade Negra
Elaine de Jesus dos Santos

Resumo:
A obra é de autoria coletiva.(Professora e alunos da Escola M. Clemenceau Teixeira-Valença Bahia) A crônica a nossa questões sobre racismo e vulnerabilidade negra.

Quem nos vê?

Uma comunidade chamada Bolivia. O gueto. Uma escola. Atrás dela uma quadra.
Papel, sacola plástica, meninos, chinelos e a trave. Partida de futebol.
Gargalhadas rolam no meio do jogo. Meninos correm, abrilhantar o time e a torcida vibra.
A bola rola, torcida agita e surge o gol. "GOL". E volta-se a jogar, passa a bola, bate na trave, bola fora. E cada um conhece seus parceiros. A bola rola ao som da favela. Torcida agita.
Na brincadeira de criança da favela, não é só polícia e ladrão. No meio da quadra tem muita diversão.
Do outro lado da rua, vários corpos giram no ar. Corre daqui, corre de lá, pulam muros, invadem casas, se escondem atrás de paredes, invadem o manguezal, corre,corre,os homens chegaram.
Por um minuto, os pés parecem tocar o céu nos fuzis dos policias.
Corpos negros desejados pelo desejo do sexo frágil. Bocas pintadas sob o olhar entristecedor de uma menina.
Corpos negros que limpam suas casas, fazem suas comidas e tomam conta dos seus filhos.
Só corpos negros. Muito triste de vê, mas fazer o quê?
Inúmeros rostos sem sonhos, sem vontade, sem alegria.
Você não vê?
Outras bolas rolarão, outros gols farão. Novas crianças, novas possibilidades surgirão, ainda que por um breve momento. E então, mais do que corpos, mais do que estatísticas, mais do que favela, eles serão.
Serão chamados: o motorista Marivaldo, Marcos o jogador, Antônio o advogado e Alex o doutor.
Serão Rayssa a professora, Islane a empresária, Kamila a juíza e Elinete a Policial.
Todos os dias somos corpos. Corpos negros em busca de um futuro melhor.
Mas quem nos vê?


Obra coletiva
Mediadora: Professora Elaine de Jesus
Autores: Alex, Antônio, Elinete, Irlane, Marcos,Rayssa, Kamila.


Biografia:
Elaine de Jesus,Valenciana,professora. Autora do Projeto Africanizar
Número de vezes que este texto foi lido: 118


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Solidariedade Virtual na Quarentena Elaine de Jesus dos Santos
Crônicas Quem nos vê? Elaine de Jesus dos Santos


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 66099 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55095 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 43678 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43296 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 42565 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 40815 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 39584 Visitas
Amores! - 38089 Visitas
Desabafo - 37352 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 35600 Visitas

Páginas: Próxima Última