Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Branca Flor
Bia Nahas

A esperança vem e vai
No espaço e tempo se desfaz
Como a pétala branca que cai
Por permanecer se sentindo incapaz.

Incapaz de permanecer inteira
Como uma rosa branca companheira
Que traz só alegrias, mas a tristeza é companhia
Porque só quer chorar e chorar todo o dia.

A flor não sobrevive
Tanto tempo no mundo que insiste
Acabar com a natureza
Em nome da riqueza.

A flor não respira
Pelo homem que se vicia
Em poluir e denegrir o planeta
Porque não sabe cuidar, e então, envenena.

A flor não se fortalece
Com a luz do Sol que a aquece
Porque foi cortada à faca
Para dar lugar à uma fábrica.

A flor morreu
E a esperança permaneceu
Porque o sujeito pode transformar
No presente qualquer coisa que tocar.

A mente guia o planeta
Que além do dinheiro pensa
No quanto o mundo deve ser cuidado
Porque é o que possibita o futuro ao nosso lado.

Mas se o homem não se anima
E se acomoda com viciosa vida,
A poluição vai tomar conta futuramente.
Então, que se faça algo no presente!

Tantos planetas são perdidos
Pelas ações de povos movidos
Pelo acúmulo de bens excessivos
Baseado no profundo egoísmo.

Que cuidemos da Terra!
Há tempos, ela berra!
Está cansada de tantas flores mortas
Como a desesperança trancando as portas.


Biografia:
Oi, gente! Sou a Bia. Tenho 22 anos. Moro em São Paulo capital. Estou fazendo faculdade de psicologia. Cada poema é muito especial e único, pois expresso alguma inquietação social ou pessoal. Faço encomendas de poesias. Quem quiser me conhecer, será um prazer. Mande um e-mail que eu respondo. Email para contato: nahasbeatriz@gmail.com Meu blog pessoal de poesias: www.rumoaminhamente.blogspot.com.br Twitter: @Bia__Nahas
Número de vezes que este texto foi lido: 145


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Graça e Beleza Bia Nahas
Poesias Princesa Sabrina Bia Nahas
Poesias Cântico aos Sereianos Bia Nahas
Poesias Sol No Olhar Bia Nahas
Poesias Celebrando Bia Nahas
Poesias Querida Jardineira Amiga Bia Nahas
Poesias Insistência ao Indivíduo Bia Nahas
Poesias Introspectiva Dança Bia Nahas
Poesias Mente Ciente - Poesia Concreta 1 Bia Nahas
Poesias Vendedora de Flores Bia Nahas

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 310.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 62318 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 53885 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 42866 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 39920 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 37778 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 37541 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 36921 Visitas
Amores! - 34975 Visitas
Desabafo - 34522 Visitas
Faça alguém feliz - 32945 Visitas

Páginas: Próxima Última