Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Sonho de afeto
Dilcimar Ribeiro Fonsêca

SONHO DE AFETO




Quão lindo e desejado é o sonho de afeto
De se viver, um grande e verdadeiro amor
Um amor talvez capaz de gerar um feto
Um amor tão puro, incapaz de gerar a dor


Amar, caminho a um ninho aconchegante
Enfeitado de rosas a ignorar os espinhos
Fadigas ao dia e noites de amor constante
cansaço se esvai ao transbordar de carinhos


Amar declarando: é maravilhoso ter-te
Amar desejando que seja sempre assim
Sofrer, somente ao pensar em perder-te
Viver o recomeço para que não haja fim


Como é bom amar tendo minos e carinho
Fazer que o convivio nunca o amor separe
Querendo ter sempre esse gostoso colinho
Viver a emoção para que o coração não pare.


O sonho de afeto, realiza o que o amor diz
Desdobra a vida em rimas e cumplicidade
Sem ele não há   veterano ou aprendiz,
Sua presença ensina a cultivar felicidade.


Biografia:
-
Número de vezes que este texto foi lido: 27996


Outros títulos do mesmo autor

Poesias A interseção do amor Dilcimar Ribeiro Fonsêca
Poesias Palavras Dilcimar Ribeiro Fonsêca

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 21 até 22 de um total de 22.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
Pão nosso de cada dia - Gabriel Meira Pereira 6 Visitas
Jesus mestre da cruz - ANDERSON CARMONA DOMINGUES DE OLIVEIRA 5 Visitas
DESCONEXOS - Ivan de Oliveira Melo 5 Visitas
Monotonia - Canton 5 Visitas
Estou curado - Ricardo Santos de Souza 5 Visitas
Relaxa - Leonidas George de Souza Miranda 5 Visitas
A importância de ser que realmente somos. - Rhudá Vinicius Santos Lopes 4 Visitas
Quanta força ela tem, alma - Shahar (Chak) 4 Visitas
Tirem o seu CRISTO da CRUZ! - MARCOS VINÍCIO DIAS 4 Visitas
Desabafo aos ventos. - PauloRockCesar 2 Visitas

Páginas: Primeira Anterior