Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
NO FUNDO DO PUB
...
orivaldo grandizoli

Resumo:
...

Aquele jazz tocado no trompete,
eu no fundo do Pub, imerso na solidão,
na mesa, de carvalho, enfio o canivete
e gravo seu nome como se no meu coração...

A cada nota mais alta, esganiçada, mortal,
meu coração vira do avesso e se despedaça,
revela a mim mesmo um sentimento nunca igual,
tudo que pensei sentir o que sinto ultrapassa...

Evolui a sintaxe musical e mais me fere e faz bem,
viajo por entre estrelas de mãos dadas com você,
o palco é o céu e a platéia são as estrelas que alguém
numa noite feliz criou só para que pudéssemos perceber
o quanto podemos amar e o quanto amar nos faz bem...

A música finda seus floreios e volto a ser um ser mortal,
desses no fundo do Pub, cerveja no copo, viva ilusão,
penso em você e chego a sentir nosso amor desigual,
suspiro fundo, ouço a bateria em mim, o pulsar do coração...


Biografia:
Se a palavra vem da boca nasci quando a genealidade marcou touca e me pôs para cantar em voz rouca...
Número de vezes que este texto foi lido: 157


Outros títulos do mesmo autor

Poesias O APANHADOR NO CAMPO DE ESTRELAS orivaldo grandizoli
Poesias OI orivaldo grandizoli
Poesias AMANHÃRRÃ orivaldo grandizoli
Poesias QUANDO EU VIM orivaldo grandizoli

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 2091 até 2094 de um total de 2094.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
Dialética, positivismo e autocracia - Cláudio Thomás Bornstein 2 Visitas
BALBÚRDIA - Ivan de Oliveira Melo 1 Visitas

Páginas: Primeira Anterior