Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
IGNÓBIL FARISEU
Ivan de Oliveira Melo

Resumo:
...eu sou ninguém...

Sou paramentado de trapos,
Retalhos da consciência ébria
Que bebe o dia em sua nudez,
Come da noite o sonho virgem.

Vestuário dum farrapo humano,
Indigente de molambos estéreis
Que devaneia sobre o bandalho
Tétrico das madrugadas juvenis.

Sou o andrajo das esquinas sujas
Onde se vomita a exaustão torpe
Que assedia rodilhas enferrujadas
Dos curumins desnudos das favelas.

Pedaços de pano surrados do suor
Que se derrama sobre os frangalhos
Têxteis do algodão meio escolástico
E retinto por manchas de equidade.

Sou paramentado por velhos trapos
E mesmo subalterno das vestimentas,
Condiciono as velhacarias ao engodo
Dos esfregões maltrapilhos da noite.


DE Ivan de Oliveira Melo


Biografia:
Nascido em Recife, em 09/10/1953. Professor de língua portuguesa e literatura. Poeta desde adolescente. Livros publicados: SINFONIA DE AMOR; POESIA, AMOR E VIDA; REFLEXOS; SEARA DE RITMOS; SO...NETANDO.Temas mais comuns em seus versos: o amor, a natureza, o homem, o socia, o cosmos, o metafísico, religiosidade...
Número de vezes que este texto foi lido: 31


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Sob o brilho da lua... Ivan de Oliveira Melo
Poesias Protótipo Ivan de Oliveira Melo
Poesias Engenharia da Palavra Ivan de Oliveira Melo
Poesias Horas Insossas Ivan de Oliveira Melo
Poesias Súplica Ivan de Oliveira Melo
Poesias Via Láctea Ivan de Oliveira Melo
Poesias Orvalho Matinal Ivan de Oliveira Melo

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 731 até 737 de um total de 737.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
ERRATA - Ricardo Cunha Costa 4 Visitas
UM DIA... - orivaldo grandizoli 3 Visitas
ÓDIO E AMOR - orivaldo grandizoli 3 Visitas
A VIDA, MINHA VIDA, UM TRECHO DELA - - ricardo fog 1 Visitas
Um gênero inexistente de jogo de estratégias - Sergio Ricardo Costa 0 Visitas

Páginas: Primeira Anterior