Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
INTROSPECÇÃO 3
João carlos de oliveira

Resumo:
Obs: Baseado no livro, O PROBLEMA DO SER - León Denis.

Ó morte, ó serena majestade!
Tu, de quem fazem um espantalho,
És para o pensador, um momento de descanso,
Transição entre dois atos do destino.

Quando a minha pobre alma,
Errante, há tantos séculos, através dos mundos,
Depois de tantas lutas, vicissitudes e decepções,
For repousar de novo no teu reino,
Será com alegria, que saudará a aurora de um novo tempo.

Dias virão em que a vida humana se extinguirá,
A terra, vasta necrópole, rolará, soturna, na amplidão silenciosa,
Hão de elevar-se ruínas imponentes,
Lugares onde existiam grandes metrópoles,
Cadáveres de capitais,últimos vestígios das raças extintas,
Livros de pedra que nenhum olhar carnal voltará a ler.

Novas civilizações prodigiosas florescerão a esse tempo em Saturno e Júpiter,
Ali hão de se expandir humanidades renascidas numa glória incomparável,
Sítios abençoados, onde lhes serão dados, continuarem a amar e trabalhar para o seu aperfeiçoamento,
Que importa as sombras que se foram!
Nada perece! Todo ser se transforma e esclarece,
Espírito imorredouro,
Lembrai-vos de que " A morte não existe ".


Biografia:
Nem mesmo cairá uma unica folha de uma árvore, se caso não exista uma razão para tal!
Número de vezes que este texto foi lido: 803


Outros títulos do mesmo autor

Poesias DOCES LEMBRANÇAS João Carlos de Oliveira
Crônicas A MOÇA DO CORREIO João Carlos de Oliveira
Contos DIA DE FINADOS João Carlos de Oliveira
Crônicas REFLEXÕES João Carlos de Oliveira
Poesias AO BUQUÊT DA TUA VIDA João Carlos de Oliveira
Contos O VULTO João Carlos de Oliveira

Páginas: Primeira Anterior

Publicações de número 41 até 46 de um total de 46.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2018
 
  Textos mais lidos
OSSO DE SONETO - orivaldo grandizoli 1 Visitas
SER FELIZ - orivaldo grandizoli 1 Visitas
POR AÍ - orivaldo grandizoli 1 Visitas
SÓ ME LEMBRO DAS PEDRAS - orivaldo grandizoli 1 Visitas
NEM POR ISSO - orivaldo grandizoli 1 Visitas
OBJETOS ESTRANHOS - orivaldo grandizoli 1 Visitas
O som que da vida! - Ricardo Santos de Souza 0 Visitas
Agora será entre nós dois! - Ricardo Santos de Souza 0 Visitas
Lembranças de uma vida - Ricardo Santos de Souza 0 Visitas

Páginas: Primeira Anterior