Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
O Legado de Neftalí Reyes Basoalto.
johnmaker


Cobre-me com as roupas ungidas
pelo teu querer,
Pois estou nu diante dos versos que nunca fiz,
Esperando dizer-te algo que, ouvir,
seu desejo jamais quis,
E você não me diz o que devo fazer...

É tarde para ir, embora deva mudar o caminho,
Sua trilha suntuosa é perigosa à noite,
Pois tornou-se seguro demais
viajar pela agrura desse meu sofrimento,
Livre de suas palavras e armadilhas;

Vou derramar-me , como uma onda,
Numa jarra de vidro,
espumante, transparente e salgada,
E, embora desça das fontes dos rios
de água doce, como um salmão,
Lhe digo que um dia voltarei,
Para sentir os teus braços de mulher amada.
Correndo, sempre em fuga,
para perto do perigo,
Ouvindo o som prosaico do vento
movendo a vontade,
Morrendo na areia traiçoeira do meu castigo,
Acima dos telhados,
árvores, e velas infladas pelo pensamento...

Perde-se em ti, adormecida, minha memória,
Faz falta esquecê-la,
ainda mais perdê-la, numa triste história;
Mesmo que cheia de ilusões pende à tua ausência,
O meu coração corroído pela ferrugem,
Ele é como a caixa envernizada
de um violão antigo,
Capaz de tocar belas canções
que tenhas por acaso esquecido.
Porém, não quero mais amar-te,
não mais que o devido,
Que é o legado do nosso amor proibido.


https://www.youtube.com/watch?v=hLU_sexiTQw


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 28521


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Quis o destino ... johnmaker
Poesias Poesia Para Um Coração de Aço johnmaker
Poesias Tecendo O Seu Perfume... johnmaker
Poesias O Legado de Neftalí Reyes Basoalto. johnmaker
Poesias "Tristesse" (Chopin Etude op.10 no.3) johnmaker
Poesias Deborah johnmaker
Poesias O Feitiço do Amor johnmaker
Poesias A Profecia Lírica Do Fim Do Meu Tempo johnmaker
Poesias Uma rosa no caminho de Santiago johnmaker
Poesias Ramo de Outono johnmaker

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última

Publicações de número 11 até 20 de um total de 28.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 33447 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 32633 Visitas
eu sei quem sou - 32399 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32369 Visitas
camaro amarelo - 32279 Visitas
sei quem sou? - 32234 Visitas
MENINA - 32142 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 32081 Visitas
viramundo vai a frança - 32069 Visitas
A menina e o desenho - 32058 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última