Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Atuária nos Concursos Públicos é a Exceção
Gileno Carvalho Santos

Resumo:
Desabafo de um graduado em ciências atuariais diante da falta de vagas nos diversos concurso públicos em que sua graduação, facilmente, atenderia os requisitos, mas lhe é negado o direito de concorrer.

Pessoal,
Foi publicado o edital do concurso ISS Itabaiana(junho/2020). E mais uma vez Atuários não são credenciados a concorrer a uma simples vaga de Auditor Fiscal ou Analista de Políticas Públicas (É MOLE!).
E pensar que alguns amigos antes de mudar para contabilidade, por diversas vezes, me advertiu o quanto a atuária é um campo restrito, e eu continuei encantado pelo curso e não seguir a razão.
Estou falando isso porque aqueles que desejam, como eu desejei, com o curso de ciências atuarias concorrer uma vaga nos diversos concursos públicos, aqui vai minha opinião e conselho de amigo: é melhor DESISTIR, E MIGRAR PARA CONTABILIDADE, pois até as vagas para concurso público destinado a atuário, o contador também poderá concorrer.
Não sei se é o momento difícil que todo nós estamos passando que está mexendo com minha cabeça(pandemia do COVID-19), mas diante da expectativa que eu tinha de obter um nível superior para poder concorrer aos diversos concursos públicos, hoje SÓ NÃO ESTOU COMPLETAMENTE ARREPENDIDO DA MINHA ESCOLHA, POR QUE FIZ AMIGOS QUE PROPORCIONARAM MOMENTOS FELIZES E INESQUECÍVEIS NA MINHA VIDA.
Desculpem o desabafo, mas NÃO É apenas lamurias...
... SÃO FATOS!


Biografia:
GilenoCS
Número de vezes que este texto foi lido: 33933


Outros títulos do mesmo autor

Cartas Atuária nos Concursos Públicos é a Exceção Gileno Carvalho Santos
Cartas Atuária nos Concursos Públicos é a Exceção Gileno Carvalho Santos


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2021
 
  Textos mais lidos
Solidão que nada - Morgana Bellazzi de Oliveira Carvalho 40978 Visitas
Um dia - Luca Schneersohn 40947 Visitas
A TRISTEZA E O SIM DA VIDA - Alexsandre Soares de Lima 40849 Visitas
LÍRIO - Alexsandre Soares de Lima 40843 Visitas
A tristeza no Nordeste - Wanessa Daiana de Brito 40355 Visitas
Conexão - Luca Schneersohn 40250 Visitas
Seu cheiro de tangerina - Helio Valim 40208 Visitas
Tempo - Luiz Fernando Sacramento Lusoli 39849 Visitas
Um dia serei algo - José Rony de Andrade Alves 39762 Visitas
Pou, a Majestade Não-Zoombi - Alice Silva 39567 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última