Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Para você que diz ter ansiedade
Ansiedade
Gabrielly Soares Ferreira Pedro

Resumo:
Trata-se de um poeta que diz como é a vida de quem sofre de Crises de ansiedade.

Para você que diz ter ansiedade.
Para você que diz que esperar uma encomenda por quinze dias é agoniante não sabe a dor que é tentar respirar quando o peito aperta e mal consegue levantar.
Quando está só você e a ansiedade de madrugada arrancando suas lágrimas te fazendo soluçar, enquanto fica zonzo(a) de tanta falta de ar.
Quando não tem ninguém para te ajudar. Isso quando não é taxado(a) de frescurento(a), mentiroso(a). Só quer atenção chamar.
Quando não quer se alimentar, não por falta de não tentar mas sim de não conseguir. Isso quando não consegue parar.
Para você que diz ter ansiedade, mas não sabe o que é não conseguir se controlar e desabar.
Não sabe o que não parar de chorar, não sabe o que não conseguir levantar, não sabe o que é agoniar.
Não sabe o que é se sentir feio(a), um peso, um encosto e ter receio
Ansiedade te tira a segurança, te priva de todos os momentos, te arranca força e o resto de esperança.
Ansiedade mata seus sonhos, seus objetivos, acaba com os risonhos.
Ansiedade te faz acreditar no seu pior lado, te faz se sentir desmotivado(a), desacreditado(a).
Ansiedade te faz parecer preguiçoso(a), um dengoso(a) eles dizem.
Ansiedade faz com os outros te generalizem, aterrorizem.     
Para você que diz ter ansiedade mas não sabe o que se sentir ninguém, não diga tem!


Biografia:
Número de vezes que este texto foi lido: 355


Outros títulos do mesmo autor

Poesias Para você que diz ter ansiedade Gabrielly Soares Ferreira Pedro
Poesias Para você que diz ter ansiedade Gabrielly Soares Ferreira Pedro


Publicações de número 1 até 2 de um total de 2.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Vivo com.. - 32887 Visitas
CÉREBRO HUMANO - Tércio Sthal 32461 Visitas
Carta a um amor impossível - Carla (Fada) 32066 Visitas
eu sei quem sou - 31977 Visitas
camaro amarelo - 31854 Visitas
sei quem sou? - 31809 Visitas
MENINA - 31701 Visitas
viramundo vai a frança - 31670 Visitas
O que e um poema Sinetrico? - 31658 Visitas
A menina e o desenho - 31636 Visitas

Páginas: Primeira Anterior Próxima Última